China está construindo maior hidrelétrica do mundo no curso superior do Rio Yangtsé: Três Gargantas
2006-07-03 15:01:42    cri
Provavelmente você já ouviu falar que a China está construindo a maior hidrelétrica do mundo no curso superior do Rio Yangtsé: Três Gargantas. A obra foi iniciada em 1993. O término das obras está marcado para 2009, com uma capacidade instalada para geração de 84.700 milhões de quilowatts/hora.

A região de Três Gargantas é uma maravilha paisagística que se estende ao longo de 193 quilômetros. Ela começa em Baidicheng, Distrito de Fengjie, perto de Chongqing e segue até o passo de Nanjin, em Yichang, na província de Hubei. A paisagem local atrai turistas de todo o mundo. Para percorrer o trajeto - de oeste para o leste - eles cruzam a Garganta Qutang de 33 quilômetros de extensão e 100 metros de largura; pela Garganta Wuxia, com cerca de 40 quilômetros de extensão e famosa pelos doze picos que ficam na margem oeste, e pela Garganta de Xiling, com 120 quilômetros, conhecida pela sua complexa geografia e pelos recifes. Além disso, no rio Daning, a noroeste da Montanha Wu, encontram-se as Três Gargantas Menores, do afluente do Rio Yangtsé. Com águas límpidas e torrenciais, cumes imponentes, cataratas, as Três Gargantas tornaram-se um dos pólos de atração indispensáveis aos turistas.

O passeio de barco pelas Três Gargantas do Rio Yangtze permite a visita a muitos recantos históricos, tais como Baidicheng, o Templo Qu Yuan(antigo poeta), a residência antiga da Dama Wang Zhaojun e outros locais. Além disso, os turistas podem conhecer a vida, os hábitos e os costumes da população que vive ao longo do rio.

A obra, contudo, modificou muitas paisagens naturais e provocou o deslocamento de muitos habitantes. Porém, a região das Três Gargantas é uma região pitoresca formada por montanhas extraordinárias e o curso do rio sinuoso, o que preocupa muitas pessoas.

Para preservar tanto quanto possível as paisagens naturais, muitos setores empreenderam muitos trabalhos. A personagem sobre a qual vamos falar hoje é uma das que se empenhou para preservar a cultura e a paisagem de alguns trechos. Ele é Li Yushan, um idoso que trabalhou muito a fim de deixar um grande legado às futuras gerações.

Li Yushan, nascido ao longo do rio, está acostumado a ouvir as canções dos marinheiros e contemplar as paisagens montanhosas e os barcos navegando pelo rio. Desde pequeno, ele adorava pintura e literatura. Depois de completar seus estudos da escola secundária, passou pelo vestibular e começou a freqüentar a Faculdade de Rádios em Beijing. Na universidade, passou a pintar com mais freqüência nas horas de folga.

Ele adorava retratar paisagens naturais, especialmente em aquarelas. Li cruzou o país, a fim de visitar recantos pitorescos como a Montanha Huang, na província de Anhui, as Três Gargantas, a Grande Muralha etc...

As obras de Três Gargantas o levaram à região em seis oportunidades nos últimos 15 anos. Rascunhos de suas pinturas se amontoam em sua casa. Segundo ele, para melhorar sua obra, ele gastou mais de 20 pincéis e consumiu mais de dez quilos de tinta. O investimento total ultrapassa a casa de 100 mil yuans.

Depois de ler a notícia que as obras poderiam modificar a paisagem natural e inundar alguns pontos turísticos, ele sentiu que deveria cumprir uma missão histórica. Por isso, para deixar um legado para as futuras gerações, decidiu retratar a região.

Ele percorreu todos os trechos... Pintou e fotografou as paisagens nas duas margens do rio.

Em 1994, ele foi pela primeira vez à região para retratar a paisagem local. Durante 15 dias, ele desenhou várias dezenas de obras. Três anos depois, partiu pela segunda vez à região, tendo percorrido centenas de quilômetros durante um semestre. Foram seus trabalhos desse período que assentaram a estrutura de sua pintura em rolo. Para entender a paisagem, passava horas a fio na beira do barco.

Como uma iniciativa pessoal, ele tinha de economizar o suficiente para sustentar a empreitada. Mesmo ficando em hotéis baratos, a iniciativa continuava custosa.

Para concluir sua obra, Li, 70 anos, trabalhou dia e noite.

Suas pinturas foram concluídas em 2004 e expostas a partir do dia 31 de agosto em 2004 no Museu de Três Gargantas. Com 434 metros de comprimento dividido em 6 partes, retratando as paisagens e tradições do trecho entre a cidade de Yichang e Chongqing, numa extensão de 700 quilômetros.

Para os turistas que visitam a região, depois de percorrer o rio de navio, visitar o museu e conhecer a pintura de Li é uma coisa complementar. Pois, seguindo a obra do velho pintor, você pode relembrar o templo Baidicheng, o cume Deusa, a capital distrital Fengjie......

E para pessoas de futuras gerações, certamente a obra do velho pintor Li será uma grande lembrança.

 
Leia mais Comentário