Casos da COVID-19 chegarão ao pico na Índia em meados de novembro, diz estudo

Fonte: Xinhua Published: 2020-06-16 16:52:13
Share
Share this with Close
Messenger Messenger Pinterest LinkedIn

O pico de casos de COVID-19 chegará à Índia em meados de novembro e o país enfrentará escassez de leitos hospitalares e respiradores, disseram os resultados de um novo estudo.
Conduzido por pesquisadores de um Grupo de Pesquisa de Operações constituído pelo Conselho Indiano de Pesquisa Médica (ICMR, em inglês) o bloqueio imposto pelo governo em 25 de março atrasou o pico da pandemia em cerca de 34 a 76 dias.
O bloqueio também ajudou a reduzir o número de infecções em 69% a 97%, dando tempo para o sistema de saúde reforçar recursos e infraestrutura, de acordo com os resultados da pesquisa.
Os pesquisadores disseram que a gestão da COVID-19 envolverá uma revisão dinâmica das políticas e um fortalecimento significativo do sistema de saúde.
Os achados do estudo disseram: "Embora os bloqueios atrasem o início do pico e darão o tempo tão necessário para o sistema de saúde responder, fortalecendo a resposta do sistema de saúde em termos de testes, isolamento de casos, tratamento e rastreamento de contatos, como está sendo feito atualmente, terá que ser o pilar para reduzir o impacto da pandemia na Índia até que a vacina esteja disponível".
O governo indiano disse que a infraestrutura de saúde relacionada ao coronavírus no país foi reforçada com a disponibilidade de 958 hospitais designados de COVID-19, com 167.883 leitos de isolamento, 21.614 UTI e 73.469 leitos com suporte a oxigênio.
Além disso, 2.313 centros de saúde dedicados da COVID-19, com 133.037 leitos de isolamento, 10.748 leitos de UTI e 46.635 leitos com suporte a oxigênio também foram operacionalizados. Além disso, 7.525 centros de assistência da COVID-19 com 710.642 leitos estão agora disponíveis para combater a COVID-19 no país, acrescentou o relatório do estudo.

Share

Mais Populares

Galeria de Fotos

Turistas visitam cachoeira Huangguoshu em Guizhou
Pessoas doam sangue no Dia Mundial do Doador de Sangue
Cenário do parque Zishan na cidade Handan, província de Hebei
Comunidade de Suzhou oferece serviço de entrega de refeições para idosos
Cooperativa de chá ajuda famílias a superarem a pobreza em Hainan
Palácio Potala reabre ao público

Notícias

Casos da COVID-19 chegarão ao pico na Índia em meados de novembro, diz estudo
Comentário: Economia chinesa continua em recuperação
Estatística revela recuperação da economia chinesa em maio
Preços de suínos na China sobem no início de junho
Sempre filho da terra amarela
Interpretação do pensamento "o povo primeiro" de Xi Jinping