Comentário: Economia privada impulsiona indústria emergente da China

Published: 2018-10-31 20:24:16
Comment
Share
Share this with Close
Messenger Messenger Pinterest LinkedIn

Diante do crescimento desacelerado da economia global e de disputas comerciais complexas, a promoção de indústrias emergentes se converte cada vez mais em uma estratégia pela qual os países formam sua nova superioridade competitiva. No meio desta competição, a economia privada da China, ao acompanhar a mudança e a demanda dos mercados doméstico e externo, tem explorado o potencial das indústrias emergentes, impulsionando o desenvolvimento de alta qualidade da economia nacional.

Dois anos atrás, a China elaborou um planejamento do desenvolvimento das indústrias emergentes de importância estratégica pelos cinco anos subsequentes, estabelecendo uma meta de que, em 2020, o valor agregado das indústrias emergentes deve representar 15% do PIB. O planejamento trouxe mudanças positivas à economia nacional. Segundo dados oficiais, nos primeiros sete meses deste ano, o valor agregado das indústrias emergentes de importância estratégica do país aumentou 8,6% em relação ao mesmo período do ano passado. Neste processo de transformação, desempenham um papel importante as empresas privadas que possuem uma forte cadeia manufatureira e fornecem artigos de consumo.

O setor privado chinês experimentou, nos últimos 40 anos, um acúmulo de “quantidade” e um salto de “qualidade”. Ele apresenta hoje em dia uma forte tendência de liderança do desenvolvimento de alta qualidade da economia chinesa. O sucesso das empresas privadas do país decorre de mecanismos operacionais flexíveis, consciência de riscos, consciência e capacidade de inovação, além de adaptabilidade ao mercado. Diante de pressões, elas fomentam sua própria resiliência e, ao encontrar forças motrizes, podem se desenvolver rapidamente agarrando oportunidades. Um exemplo é a companhia Huawei, que lidera as “500 principais empresas privadas da China em 2018”. Apenas em 2017, a gigante de tecnologia investiu cerca de 90 bilhões de yuans em pesquisa e desenvolvimento, e obteve uma receita de mais de 600 bilhões de yuans.

Em relação às dificuldades e aos problemas encontrados pelas empresas privadas na operação, a liderança do país declarou repetidas vezes que o desenvolvimento da economia privada é um sistema econômico básico do país, enfatizando que não apoiar as empresas privadas constitui um problema político e deve ser corrigido. Sob esse contexto, o governo chinês tem aplicado uma série de políticas de apoio tributário e financeiro para estimular o desenvolvimento de alta qualidade da economia privada.

O desenvolvimento das empresas privadas chinesas demonstra o espírito de luta dos chineses. No processo da construção do sistema econômico moderno de alta qualidade, os empresários farão pleno uso do espírito de inovação e empreendedorismo para obter mais êxitos.

tradução: Shi Liang 

edição: Rafael Fontana

Share

Mais Populares

Galeria de Fotos

Tripulação de trem-bala chinês prepara-se para o Festival da Primavera
Tesla inicia construção de fábrica em Shanghai
Pântano de metasequoias em Yunnan
Cidade Proibida realiza exposição comemorativa do Festival da Primavera
Pandas-gigantes se divertem no inverno de Shandong
Lanternas tradicionais são fabricadas para receber Festival da Primavera

Notícias

China promoverá novas medidas para incentivar consumo e ampliar abertura
Chefe Executivo da RAEM recebe novo comandante da Guarnição do Exército chinês
Embaixador chinês reúne-se com alto oficial do Itamarty no Brasil
Palestina pede à ONU que impeça Israel de construir assentamentos judaicos
Dois acadêmicos ganham mais alto prêmio de ciência e tecnologia da China
Houthis dizem ter dialogado com enviado especial da ONU sobre cessar-fogo