OCS realizará sua primeira cúpula após a expansão

Published: 2018-06-08 17:28:25
Comment
Share
Share this with Close
Messenger Messenger Pinterest LinkedIn

OCS realizará sua primeira cúpula após a expansão

A Cúpula da Organização de Cooperação de Shanghai (OCS) será realizada nos dias 9 e 10 em Qingdao, cidade litorânea no leste da China. Será a primeira reunião dos chefes de Estado dos países membros da OCS após sua primeira expansão, com a adesão da Índia e do Paquistão.

Agora, o grupo conta com a China, Cazaquistão, Quirquistão, Rússia, Tajiquistão, Uzbequistão, Índia e Paquistão, oito países membros. A Índia e o Paquistão já eram países observadores da OCS desde 2005. Porém até o dia 15 de junho do ano passado, os dois países se tornaram oficialmente membros do grupo.

O embaixador da China na Índia, Luo Zhaohui, acredita que após a adesão da Índia e do Paquistão, a área da OCS vai do Ártico ao Oceano Índico, ocupando três quintos do Continente Euroasiático. A população total do grupo ultrapassou 3,1 bilhões de pessoas e o PIB acumulado é mais de 17 US$ trilhões.

“A expansão injeta novas energias ao desenvolvimento da OCS. A perspectiva de cooperação entre os países membros da OCS é muito otimista, pois esta conta com grandes populações, vastos territórios, ricos recursos e enormes mercados. Os setores e as oportunidades de cooperação também aumentaram. ”

O Paquistão é o único país do mundo que estabeleceu parceria de cooperação estratégica com a China a qualquer tempo. O embaixador do Paquistão na China, Masood Halid, disse que a OCS é uma importante plataforma para impulsionar os contatos regionais, intercâmbios comerciais e cooperações econômicas.

“O Paquistão é o novo membro da OCS e é a primeira vez que participará da Cúpula da organização. Esperamos que a Declaração de Qingdao dê orientação ao desenvolvimento da OCS no futuro. Tenho a confiança de que com os esforços de todos, a influência e a importância da OCS serão cada vez maiores.”

O secretário-geral da OCS, Rashid Alimov, considera que a Índia e o Paquistão são dois importantes países no sul da Ásia, pois possuem grandes potencialidades econômicas e ricos recursos culturais e têm vasta experiência na luta contra o terrorismo.

“A OCS é como uma árvore que cresce rapidamente. A adesão da Índia e do Paquistão deu mais energia e fertilizou esta árvore de amizade. Estamos agora planejando melhorar as infraestruturas de transportes ferroviário e marítimo entre os países membros da OCS. Este processo beneficiará também outros países em prol da OCS, como o Turcomenistão, Bielorrússia, e países da Associação de Nações do Sudeste Asiático. ”

Share

Mais Populares

Galeria de Fotos

Floresta de bambu no sul da província Sichuan
Milhões de estudantes chineses participam do Gaokao 2018
Paisagens noturnas de Qingdao
Ponte suspensa iluminada torna-se atração local em Nanjing
Shannan: Habitat para macacos selvagens
Fotos aéreas da Cachoeira Hukou do Rio Amarelo em Shaanxi

Notícias

China e Rússia impulsionam relações para um nível mais alto
OCS realizará sua primeira cúpula após a expansão
Portugal sedia Seminário Temático sobre Cinturão e Rota com foco na mídia
Centro de Imprensa da Cúpula da OCS é caracterizado pela alta tecnologia
FAO realiza exposição para divulgar experiências da China na redução da pobreza
Incêndio atinge hotel cinco estrelas em Londres