Governo chinês enfatiza retomada de produção e reforço da prevenção do vírus

Fonte: CRI Published: 2020-02-06 21:17:46
Share
Share this with Close
Messenger Messenger Pinterest LinkedIn

O primeiro-ministro chinês, Li Keqiang, direcionou nesta quinta-feira (6) a retomada de produção de forma ordenada quando a prevenção de coronavírus for mantida reforçada e cientificamente.

Ao presidir a reunião do grupo de trabalho destinado ao combate a epidemia da nova pneumonia causada pelo coronavírus, Li Keqiang reafirmou que a prioridade neste momento é consolidar a prevenção e o controle da doença na província de Hubei, especialmente na cidade de Wuhan, epicentro do surto. Deve-se disponibilizar mais vagas aos pacientes infectados e mobilizar a força de outras 16 províncias para enviar médicos, além de garantir o fornecimento dos materiais necessários.

Exceto Hubei, as regiões onde se registram poucos casos de infecção podem retomar gradualmente a produção e o trabalho, com vista a garantir as ofertas e manter a normalidade da economia e sociedade. Ele destaca ainda o fornecimento de energias, como carvão, petróleo e gás.

Já as escolas podem adiar o novo semestre em conformidade com as próprias situações.

Tradução: Isabel Shi

Revisão: Gabriela Nascimento

Share

Mais Populares

Galeria de Fotos

Wuhan estabelece mais hospitais temporários para garantir tratamento de pacientes
Hospital Huoshenshan começou a receber pacientes infectados com coronavírus
Funcionários produzem equipamentos de proteção para ajudar no combate ao novo coronavírus
Construção do hospital Huoshenshan completada
Como passar a Festa da Primavera?
Cerca de 400 cisnes voaram recentemente para o rio Peacock em Korla

Notícias

Governo chinês enfatiza retomada de produção e reforço da prevenção do vírus
Chancelaria chinesa enfatiza segurança e saúde garantida dos estrangeiros
China adotará mais medidas para garantir fornecimento de suprimentos para controle da epidemia
Presidente brasileiro afirma apoio e amizade ao povo chinês
19 estrangeiros na China foram contagiados pela nova pneumonia
Wuhan já estabeleceu 13 hospitais temporários