Web  portuguese.cri.cn  
China vai incentivar investimentos privados na inovação tecnológica
  2017-02-17 18:33:24  cri

A China promoveu, nos últimos cinco anos, uma série de medidas para reformar o seu sistema científico e tecnológico, com o objetivo de superar obstáculos institucionais e vitalizar o segmento. Numa coletiva de imprensa promovida ontem (16) em Beijing, representantes do Ministério de Ciência e Tecnologia da China se comprometeram com a continuidade da reforma durante o período da implementação do 13º Plano Quinquenal, além de criar condições favoráveis à participação do setor privado na inovação tecnológica.

O diretor do Departamento de Políticas, Regras e Supervisão do Ministério de Ciência e Tecnologia, He Defang, citou como exemplo o reajuste da política da isenção de impostos realizado no final de 2015.

"Em 2015, 53,6 mil empresas foram beneficiadas pela política de isenção de impostos, cujo valor chegou a 75,9 bilhões de yuans, seis vezes maior que o resultado de 2008. No mesmo ano, 97,5% das empresas beneficiadas aumentaram seus investimentos em desenvolvimento e pesquisa."

Incentivar a aplicação dos resultados de pesquisa e desenvolvimento constitui uma importante tarefa da iniciativa de mobilizar o crescimento através da inovação. He Defang lembra que o país fez uma emenda na Lei para a Promoção da Aplicação dos Resultados Científicos e Tecnológicos, além de ter lançado uma série de políticas em apoio ao processo.

"O Estado anulou a aprovação ou o registro dos projetos de aplicação dos resultados científicos e tecnológicos. Os benefícios da medida são destinados integralmente às empresas ou instituições detentoras de propriedade intelectual. Os cientistas e pesquisadores ganham mais prêmios em dinheiro. E os incentivos que eles obtêm são isentos de impostos."

O Ministério da Ciência e Tecnologia está estudando também políticas para incentivar a participação do setor privado na inovação científica. Em 2016, o país tinha na lista 1.163 projetos importantes ligados ao desenvolvimento e pesquisa. Entre as 554 unidades responsáveis por esses projetos, 246 foram do setor privado. Segundo o diretor do Departamento da Disposição e Administração de Recursos do Ministério, Zhang Xiaoyuan, o país vai continuar apoiando os investimentos privados nesses projetos.

"Pretendemos lançar a política baptizada de ´recompensação dos riscos da solicitação de empréstimos´. As empresas pequenas e médias dedicadas ao desenvolvimento e pesquisa serão as principais beneficiárias dessa política. Queremos promover também um programa piloto que permite aos bancos atuar tanto na concessão de empréstimos como nos investimentos para a aplicação dos resultados de pesquisa."

Tradução: Inês Zhu

Revisão: Rafael Fontana

 Imprimir  Comentar  Envie para um amigo
Leia mais
Comentário

v 13º Festival Internacional de Animação é aberto em Hangzhou

v Monumento em São Paulo ganha protetores auditivos para lembrar combate à poluição sonora
mais>>
Aviso Vídeo
Olá, queridos amigos. O Fórum de Cooperação Internacional "Um Cinturão e Uma Rota" será realizado entre os dias 14 e 15 de maio em Beijing. Para ajudar nossos ouvintes e internautas a conhecer melhor a iniciativa chinesa "Um Cinturão e Uma Rota", a Rádio Internacional da China (CRI) organiza o concurso Saiba a Iniciativa "Um Cinturão e Uma Rota", que será realizado entre os dias 15 de abril e 5 de maio. São só cinco questões de múltipla escolha. A participação é simples, e você ainda pode ganhar uma lembrancinha que preparamos para os participantes!
Ranking dos textos mais lidos
• A magia de J.K. Rowling: parte 1
• Educação na Faixa de Gaza
• Mundo do animal
• Dia Mundial do Livro
• Na terra alheia
• Iniciativas chinesas beneficiam economia mundial
mais>>
Galeria de fotos

Luta de travesseiro na Cracóvia, Polônia

Mais de 50 filhotes de tigre nascem no nordeste da China em abril

Panqueca de ovos gigante com 3m de diâmetro

Panorama de jardins de chá em Hubei
mais>>

• Fanzine Nº6, 2016

• Fanzine Nº5, 2016
mais>>
© China Radio International.CRI. All Rights Reserved.
16A Shijingshan Road, Beijing, China. 100040