Xbed: empreendedora do hotel de internet na nova área de Guian

Fonte: CRI Published: 2019-05-24 10:31:10
Comment
Share
Share this with Close
Messenger Messenger Pinterest LinkedIn

O governo da província de Guizhou, sudoeste da China, tem desenvolvido a indústria de big data com grande esforço nos últimos anos e está formando sua competitividade. O fato atraiu a operadora de hotel de internet Xbed, que aproveitou a vantagem da tecnologia em crescimento no local.

Diferente da maior parte das plataformas na área, na Xbed a operação via internet atinge o compartilhamento de pessoal e a gestão de conteúdos, reduzindo o custo de recursos humanos na gestão tradicional de hotéis. Segundo o design da Xbed, o proprietário, o inquilino e o pessoal de limpeza têm acesso a três APPs distintos, que lhes permitem completar o processo de divulgação de recursos habitacionais e check-in, até check-out e limpeza, sem precisar de comunicação face a face. O responsável pela Xbed na província de Guizhou, Shi Gang, afirmou que se trata de um unificado e conexo sistema de dados por trás dos APPs. Segundo ele, este sistema reúne dados de acomodações, demanda de inquilinos e turismo.

Shi Gang afirmou que nas áreas de big data e turismo, a orientação de Guizhou está de acordo com os objetivos empresariais da Xbed. Para o responsável, a nova área de Guian valoriza o compartilhamento de dados, razão pela qual a empresa trouxe seu negócio para a região.

Confira o vídeo e explore a “suite presidencial da Casa Branca” da empresa.

Share

Mais Populares

Galeria de Fotos

China revela protótipo de trem de levitação magnética que fará 600 km/h
Beijing emite alerta amarelo para onda de calor
Balé Nacional da China faz apresentação em Brasília
Paisagem da Montanha Taishan na província Shandong
Chelsea Flower Show de Londres
Dia do Turismo da China marcado em todo o país

Notícias

Taxação punitiva dos EUA não forçará saída de empresas estrangeiras da China
Empresa chinesa busca expansão na indústria de creme dental
Moody's mantém ratings de crédito de Macau em Aa3
Brasileira Natura compra Avon e cria o quarto maior grupo mundial de cosméticos
China revela protótipo de trem de levitação magnética que fará 600 km/h
Economista: governo de Trump é maior ameaça para direito internacional