China e Brasil prometem promover parceria estratégica abrangente bilateral

Published: 2019-10-22 16:41:35
Comment
Share
Share this with Close
Messenger Messenger Pinterest LinkedIn

A China e o Brasil dão grande importância a sua relação bilateral e querem continuar fomentando sua parceria estratégica abrangente, afirmaram esta sexta-feira oficiais governamentais de alto nível em uma reunião entre os dois países.
  Yang Jiechi, membro do Birô Político do Comitê Central do Partido Comunista da China (PCC), reuniu-se na capital brasileira com Augusto Heleno, ministro-chefe do Gabinete da Segurança Institucional do Brasil.
  Yang, também diretor do Escritório da Comissão de Relações Exteriores do Comitê Central do PCC, afirmou que a China sempre considerou e desenvolveu as relações com o Brasil com uma perspectiva estratégica e de longo prazo.
  China e Brasil são países em desenvolvimento e economias de mercado emergentes, e desde que estabeleceram relações diplomáticas há 45 anos, seus laços se desenvolveram de forma saudável e estável, destacou.
  A cooperação pragmática em diversos aspectos foi frutífera e se tornou um modelo de cooperação e desenvolvimento conjunto entre grandes países em desenvolvimento, acrescentou.
  Yang assegurou que a China tem a vontade de promover a integração da Iniciativa do Cinturão e Rota com o plano de desenvolvimento do Brasil e reforçar os intercâmbios entre pessoas, as interações e comunicação regionais, assim como a coordenação em assuntos regionais e internacionais, a fim de gerar novos benefícios para os dois países e povos.
  Ele destacou que o presidente brasileiro, Jair Bolsonaro, iniciará em breve, a convite do presidente chinês, Xi Jinping, sua primeira visita de Estado à China, e que os líderes dos países do BRICS (Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul) se reunirão no mês próximo no Brasil.
  A China dará todo seu apoio ao Brasil na organização do evento, prometeu Yang, acrescentando que seu país está convencido de que as duas partes trabalharão juntas para garantir o êxito da reunião entre os dois chefes de Estado, projetar de forma conjunta o plano futuro das relações bilaterais e atualizar a parceria estratégica abrangente entre os dois países.
  Heleno, por sua parte, disse que os participantes da 9ª Reunião dos Altos Representantes do BRICS para Assuntos de Segurança atingiram um consenso amplo que reforçou a unidade e a cooperação entre os cinco países.
  O Brasil considera muito importantes suas relações com a China, destacou. Ele referiu-se também à primeira visita de Estado de Bolsonaro à China em alguns dias e mencionou que a parte brasileira espera a viagem de Xi ao Brasil no mês próximo para participar da reunião de líderes do BRICS.
  Tudo isto, a seu julgamento, reflete a importância da relação entre o Brasil e a China.
  O Brasil aprecia a resolução da China em sua luta contra o terrorismo e continuará apoiando com firmeza a posição do país nos temas relacionados com Taiwan, Tibet e Xinjiang.
  Além disso, Heleno salientou que seu país deseja reforçar a cooperação pragmática com a China em comércio, infraestruturas, agricultura e ciência e tecnologia, e também consolidar e desenvolver a parceria estratégica abrangente entre os dois lados.
  Por convite de Heleno, Yang participou da 9ª Reunião dos Altos Representantes do BRICS para Assuntos de Segurança em Brasília de quinta a sexta-feira.

Share

Mais Populares

Galeria de Fotos

Paisagem de folhas vermelhas na cidade Jinan
Tecnologia 5G é demonstrada na Conferência Mundial da Internet
Paisagem de outono de Yading, na província de Sichuan
Vila dos atletas para Jogos Mundiais Militares 2019
126ª Feira de Cantão inaugurada no sul da China
Ice Cream China 2019 inaugurada em Tianjin

Notícias

Zhuhai inaugura 3º Fórum Internacional de Comunicação da China
​Uma visita à Vila dos atletas para Jogos Mundiais Militares 2019
Diversos países e organizações internacionais participarão da Exposição de Importação da China
6ª Conferência Mundial de Internet revela os principais avanços científicos e tecnológicos do setor
Altos representantes do BRICS se reúnem no Brasil para discutirem assuntos de segurança
7ª edição dos Jogos Mundiais Militares começa em Wuhan