Alívio da pobreza da China gera efeitos positivos na África e Europa

Published: 2021-02-23 19:59:28
Share
Share this with Close
Messenger Messenger Pinterest LinkedIn

No final de 2020, a China historicamente acabou com a pobreza absoluta. Esta é uma das maiores conquistas do povo chinês e seu efeito não apenas envolve todos os chineses, pois até mesmo em outros lugares a milhares de quilômetros também vivenciam mudanças positivas.

"A China contribuiu com mais de 70% da redução da pobreza global. As conquistas chinesas liberam um grande número de recursos, os quais podem ser aplicados na África e em outros lugares que precisam de ajuda", avalia o acadêmico queniano de relações internacionais, Adhere Cavince, em um artigo publicado no site do Standard Group do Quênia.

De 1994 a 2018, a proporção da extrema pobreza na África subsaariana caiu de 61,3% para 40,2%. Hoje, a experiência bem-sucedida da China trouxe uma referência e encorajamento para o continente. A China e a África começaram a cooperação na redução da pobreza na década de 1950 e a China está disposta a fazer mais contribuições para a eliminação da pobreza no continente africano.

Depois de vencer a batalha contra a pobreza absoluta, a China está trabalhando para alcançar o próximo objetivo: construir um grande país socialista moderno. A China e a Europa são dois dos principais mercados do mundo. De acordo com as estatísticas da União Europeia (UE), as mercadorias importadas da China por seus 27 países membros no ano passado aumentaram 5,6% em relação ao ano anterior, e os produtos exportados pela UE à China aumentaram 2,2%. A China já se tornou o maior parceiro comercial da UE.

O Acordo de Investimento China-UE será concluído no final do ano passado e entrará em vigor depois que as partes completarem seus respectivos procedimentos internos de aprovação. O jornal espanhol "El Economista" citou ponderações de personalidades do setor de investimento, apontando que “a questão atual não é investir ou não na China, mas qual é o valor de investimento no país”.

Tradução: Paula Chen

Revisão: Erasto Santos Cruz

Share

Mais Populares

Galeria de Fotos

Dois papagaios brincam num ramo de uma árvore de flores de ameixa
A livraria “Zhongshuge” em Beijing atraiu um grande número de leitores
Três Pagodas do Templo Chongsheng
O mar amarelo de flores em Luoping, província de Yunnan
LEGO lançou um set Porsche 911 Turbo e 911 Targa
Flores de cerejeira desabrocham no parque de Wuhan

Notícias

Alívio da pobreza da China gera efeitos positivos na África e Europa
Comentário: Negligência à epidemia mergulha os EUA num desastre de direitos humanos
É realizada em Urumqi reunião temática intitulada “História do Partido Comunista da China”
Chefe do Executivo e altos funcionários da RAEHK são vacinados contra COVID-19
​China aprova ensaios clínicos para 16 novas vacinas contra Covid-19
Uma festa online é realizada em São Paulo para celebrar o Ano Novo Chinês