Mortes no Brasil por COVID-19 chegam a 39.680 e casos confirmados a 772.416

Fonte: Xinhua Published: 2020-06-11 17:13:00
Share
Share this with Close
Messenger Messenger Pinterest LinkedIn

A pandemia da COVID-19 continua avançando no Brasil, com o número de mortos subindo para 39.680 e os casos de contágio para 772.416, segundo o boletim oficial divulgado nesta quarta-feira pelo Ministério da Saúde.

De acordo com os dados, nas últimas 24 horas foram registrados 1.274 óbitos causados pelo coronavírus e 32.913 novos contágios.

O balanço oficial informou também que outras 3.608 mortes estão sob investigação, enquanto 407.341 pacientes estão em acompanhamento e 325.395 já se recuperaram.

O aumento de óbitos nas últimas 24 horas ocorreu quando várias cidades do país iniciaram a flexibilização da quarentena, entre elas, São Paulo, a maior metrópole da América Latina, que nesta quarta-feira autorizou a abertura do comércio de rua por quatro horas diárias e na quinta-feira reabrirá os shoppings.

O estado de São Paulo, epicentro da COVID-19 no Brasil, lidera as estatísticas de morte com 9.812 registros, seguido pelo Rio de Janeiro, com 7.138.

A lista de estados com mais óbitos se completa com Ceará (4.480), Pará (3.927), Pernambuco (3.531), Amazonas (2.363) e Maranhão (1.322).

Share

Mais Populares

Galeria de Fotos

Shantou: uma cidade diversa, rica em história
Xiamen, um jardim sobre o mar
Belo dia de sol em Beijing
Shenzhen: uma cidade moderna, energética, internacionalizada e de moda
Idosos praticam aeróbica tradicional no parque Templo do Céu em Beijing
Próspera indústria de plantação de pêras em Xinjiang

Notícias

Emissão de títulos da China chega a US$ 680 bilhões em julho
Aldeia na região montanhosa de Chongqing está mais acessível e tecnológica
72% dos ingressos do Festival Internacional de Cinema de Beijing são vendidos em 10 minutos
​Começa construção do CMG Copyright Trade Center em Shanghai
Xi Jinping: PCCh sempre terá sucesso se governar para o povo
Mianmar inicia 4ª reunião da Conferência de Paz de Panglong do Século 21