China avança muito em desenvolvimento sustentável, segundo pesquisadores

Published: 2020-01-02 16:18:08
Share
Share this with Close
Messenger Messenger Pinterest LinkedIn

A revista britânica “Nature” publicou no dia 1º um relatório de pesquisadores chineses e estrangeiros, no qual revelam que a China alcançou notáveis avanços em desenvolvimento sustentável, quer em nível nacional, quer em nível provincial.


Em setembro de 2015, a ONU aprovou 17 objetivos de desenvolvimento sustentável da Agenda 2030, como erradicação da pobreza, erradicação da fome, igualdade de gênero e combate às mudanças climáticas, entre outros. Pesquisadores da Universidade da Agricultura da China, da Michigan State University dos EUA e de outras instituições usaram novos métodos para avaliar a situação da China em todos os 17 objetivos. A análise revelou que a China alcançou grandes progressos em 13 objetivos, especialmente na erradicação da pobreza, cidades e comunidades sustentáveis, inovação e infraestrutura, redução das desigualdades e parcerias pelas metas.


Conforme o relatório, entre 2000 e 2015, o país conquistou importantes êxitos nestes aspectos tanto em nível nacional, como em nível provincial. O índice de desenvolvimento sustentável em nível nacional aumentou de 45,5% para 55,4% e o em nível provincial cresceu de 42,2% para 54,9%.


Tradução: Luís Zhao

Revisão: Diego Goulart

Share

Mais Populares

Galeria de Fotos

Festival de Laba
Veja a comemoração de Ano-Novo na cidade Changsha
Uma ponte de grande elevação inaugurada na província de Guizhou
Paisagem de inverno da Montanha Emei, na província de Sichuan
Fotos aéreas da Ilha Yagong do arquipélago de Xisha, no Mar do Sul da China
Show de luzes em Wuhan

Notícias

​Comentário: Hong Kong não é um peão de manobras de alguns políticos estrangeiros
China avança muito em desenvolvimento sustentável, segundo pesquisadores
Presidente do CMG profere discurso em celebração do ano-novo para audiências estrangeiras
Comentário: China esforça-se para se desenvolver junto com o mundo
Chancelaria chinesa: Países da Ásia Central conhecem mais Xinjiang do que EUA
Discurso de Xi Jinping pela passagem do ano novo de 2020