Especialista britânico aponta visão estreita dos EUA na disputa comercial

Fonte: CRI Published: 2019-09-06 15:52:36
Share
Share this with Close
Messenger Messenger Pinterest LinkedIn

Diante da tensão comercial provocada pelos Estados Unidos contra a China, o ex-presidente do Comitê de Políticas e Recursos da cidade de Londres, Mark Boleat, comentou à imprensa chinesa que o comportamento de Washington não corresponde ao senso comum das cooperações econômicas internacionais, mostrando uma visão míope.

Atuando nas áreas de finanças e comércio internacional, Mark Boleat apontou que a disputa comercial não é benéfica para ninguém e deve ser resolvida o mais cedo possível. Ele reforçou que as pessoas não podem apenas enxergar os efeitos imediatos da imposição de tarifa adicional, mas sim as consequências em cadeia.

Os fabricantes norte-americanos já disseram que se sentem prejudicados pelas medidas adotadas pela Casa Branca, indicou o britânico. Ele enfatizou que é imprudente recorrer ao protecionismo quando a própria economia se encontra com dificuldade, já que, no longo prazo, somente um ambiente de comércio internacional livre pode favorecer a todos.

Tradução: Isabel Shi

Revisão: Diego Goulart

Share

Mais Populares

Galeria de Fotos

Vista aérea do Lago Oeste em Hangzhou
Festival Internacional de Circo da China realizado em Zhuhai
Reserva Nacional Natural de Wanglang, na província de Sichuan
Cenário de neve no parque Beiling em Shenyang
Panda gigante brinca na neve em Heilongjiang
Paisagem do lago Ruqin no ponto turístico de Lushan em Jiangxi

Notícias

Presidentes da China e do Suriname reúnem-se em Beijing
Presidente chinês salienta importância de cultivar talentos militares
Políticos dos EUA difamam a imagem da China com intenções sinistras, disse porta-voz da Chancelaria
Comentário: Investidores globais estão otimistas com o mercado de capitais da China
Compatriotas de Taiwan têm tratamento igualitário em mais setores na parte continental chinesa
Alto funcionário do PCCh critica ato dos EUA sobre Hong Kong