China fortalece ações em contenção de terrorismo e extremismo

Fonte: CRI Published: 2019-07-10 16:29:41
Comment
Share
Share this with Close
Messenger Messenger Pinterest LinkedIn

Nos últimos anos, a China tomou muitas ações na luta contra o terrorismo e o extremismo, o que reprimiu efetivamente a expansão de atos violentos e garantiu os direitos à vida e ao desenvolvimento dos povos. A afirmação foi feita nesta terça-feira (9) pelo representante permanente da China na ONU, Ma Zhaoxu, no debate público do Conselho de Segurança da ONU sobre as questões do terrorismo internacional e dos crimes organizados.

Segundo Ma Zhaoxu, a China é uma vítima do terrorismo. Diante das ameaças terroristas e extremistas, o país tomou decisivamente várias medidas e conseguiu resultados notáveis. As ações do país neste aspecto correspondem completamente aos princípios e critérios da ONU no combate ao terrorismo e na defesa dos direitos humanos básicos.

A China apoia os esforços de outros países na luta contra terrorismo e quer reforçar a cooperação internacional no setor, de forma a contribuir para a salvaguarda da paz e estabilidade regional e mundial, acrescentou.

Tradução: Zhao Yan

Edição: Diego Goulart

Share

Mais Populares

Galeria de Fotos

Conferência de Internet da China 2019 começou em Beijing
Show de lanterna em Changchun
Mulheres da etnia Yao continuam tradição de manter cabelos longos
Caverna de gelo em Shanxi
Fotos sobre Ponte da Liberdade
Cenário do Lago Ronghu em Guilin, Região Autônoma Zhuang de Guangxi

Notícias

Comentário: EUA brincam com fogo ao usar Taiwan para tentar conter a China
China e África pedem proteção dos direitos humanos por desenvolvimento
Comentário: Com a nova liderança da UE, há boas expectativas para relação China-Europa
Profissionais portugueses dão aulas a treinadores e árbitros de futebol na China
Chefe da diplomacia chinês fala de expetativas sobre relacionamento China-Europa
​Consumo se torna principal força motriz do crescimento chinês