Acordo de livre comércio entre UE e Mercosul é significativo

Fonte: CRI Published: 2019-06-30 18:06:55
Comment
Share
Share this with Close
Messenger Messenger Pinterest LinkedIn

O presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker, avaliou neste sábado (29) que o acordo de livre comércio assinado pela União Europeia e Mercosul, durante a cúpula do G20, envia um sinal forte na defesa do comércio baseado em regras.

Citando palavras de Juncker, o site oficial da Comissão Europeia apontou que o acordo de livre comércio entre UE e Mercosul é significativo, envolvendo 780 milhões da população e um volume econômico considerável. A redução tarifária pode aliviar o custo anual das empresas europeias no valor de 4 bilhões de euros. O pacto prevê remoção da maioria das tarifas de importação do Mercosul a produtos europeus, principalmente os segmentos industrial, agrícola e alimentício.

Juncker assinalou que a UE defende firmemente os interesses comerciais do bloco, bem como a cooperação multilateral.

Em 1999, os dois lados começaram as negociações a respeito, mas suspenderam por 8 anos devido à grande divergência no acesso ao mercado dos produtos agrícolas e industriais.

Até o momento, a União Europeia já assinou acordo de livre comércio com o Canadá e o Japão e dever fechar o outro com o Vietnã.

Tradução: Isabel Shi

Revisão: Diego Goulart

Share

Mais Populares

Galeria de Fotos

Exposição Econômica e Comercial China-África inaugurada em Changsha
Osaka, cidade anfitriã da cúpula do G20
Bela paisagem ao redor do Lago Sayram em Xinjiang
Inaugurada "a livraria mais linda da China" em Beijing
China começa a testar primeira linha de metrô que atravessa Rio Amarelo
Campo de girassol em Nanjing

Notícias

Presidentes da China e dos EUA consentem em promover relações bilaterais
Presidentes da China e dos EUA concordam em retomar negociações comerciais
Xi Jinping profere discurso importante na Cúpula do G20 em Osaka
Xi Jinping: China cumprirá rigorosamente as promessas para com a África
Atrito comercial entre China e EUA impactará economia africana, afirma oficial angolano
Presidente chinês e líderes africanos se reúnem durante Cúpula do G20