Lula pede a apoiadores que votem em seu substituto Fernando Haddad

Fonte: Xinhua Published: 2018-09-12 19:23:40
Comment
Share
Share this with Close
Messenger Messenger Pinterest LinkedIn

O ex-presidente do Brasil, Luiz Inácio Lula da Silva pediu na quarta-feira em uma carta a seus apoiadores que votem em seu substituto Fernando Haddad à Presidência nas eleições no próximo mês.

Lula, atualmente preso e impedido de concorrer pela Justiça eleitoral por ter sido condenado em segunda instância, pede em sua carta "de coração" a "todos que votariam em mim que votem no companheiro Fernando Haddad para Presidente da República".

Mais cedo no mesmo dia, Haddad foi apresentado formalmente pelo Partido dos Trabalhadores (PT) como candidato à Presidência. A decisão já esperada foi anunciada oficialmente em frente da sede da Polícia Federal (PF) de Curitiba (capital do estado do Paraná), onde Lula cumpre pena de 12 anos e um mês desde 7 de abril passado.

Haddad, até então vice-presidente na chapa encabeçada por Lula, se reuniu na tarde com o ex-mandatário e após deixar o prédio da PF subiu num palco improvisado, onde estavam também Manuela D'Ávila do Partido Comunista do Brasil (PCdoB) que será sua vice, a ex-presidente Dilma Rousseff ,a presidente do PT, senadora Gleise Hoffman e outros dirigentes.

"Está na hora de sair às ruas com a cabeça firme nessas eleições", disse Haddad aos milhares de simpatizantes presentes ao local e afirmou que recebeu "uma missão do ex-presidente: ganhar as eleições".

Em discurso, Hoffman afirmou que Haddad, ex-ministro da Educação dos governos Lula e ex-prefeito de São Paulo, é "o representante de Lula" nas eleições.

No mesmo ato, Luiz Eduardo Greenhalgh, um dos fundadores do PT, leu a carta em que Lula indica Haddad como seu substituto.

A candidatura de Lula foi impugnada pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) devido à Lei de Ficha Limpa que não permite que alguém se candidate a um cargo eletivo se foi condenado em segunda instância.

O mesmo TSE determinou no dia 1º de setembro um prazo de 10 dias para que o PT anunciasse o substituto de Lula. Apesar de o partido ter recorrido ao Supremo Tribunal Federal para estender o prazo até 17 de setembro, o pedido não foi analisado e o PT optou por confirmar Haddad na quarta-feira.

"Nós já somos milhões de Lulas e, de hoje em diante, Fernando Haddad será Lula para milhões de brasileiros", destacou Lula que terminou a carta com um "Até breve, meus amigos e minhas amigas. Até a vitória!". 

Share

Mais Populares

Galeria de Fotos

Macau realiza atividades tradicionais para celebrar Dia Mundial do Turismo
Feira comercial de flores e árvores realizada no centro da China
Paisagem da pradaria Ulgai em Xilingol
Museu de Jianchuan inaugura salão temático sobre Reforma e Abertura da China
Cesta de flores decora Praça de Tiananmen para celebrar o Dia Nacional
Lua cheia durante o Festival de Meio Outono

Notícias

O confronto global entre multilateralismo e unilateralismo, regras e força
Wang Yi participa de reunião da ONU sobre a questão da Península Coreana
Wang Yi participa da reunião de chanceleres do BRICS
Consulado da China no Rio de Janeiro realiza recepção para celebrar Dia Nacional chinês
Especialistas afirmam que legislação chinesa não obriga empresas estrangeiras a transferirem tecnologia
Usuários de 4G da China atingem 1,13 bilhão