Proteção à propriedade intelectual da China desempenha um papel importante no desenvolvimento do país

Published: 2018-12-11 17:49:07
Comment
Share
Share this with Close
Messenger Messenger Pinterest LinkedIn

O Gabinete de Imprensa do Conselho de Estado da China disse hoje (11) em entrevista coletiva que a proteção à propriedade intelectual da China tem desempenhado um papel cada vez mais importante no desenvolvimento do país.

Nos últimos 40 anos após a reforma e abertura, a China já se tornou uma potência na área de propriedade intelectual. Segundo dados estatísticos, o número de pedidos de patente na China ultrapassou 1,3 milhão em 2017, o maior número do mundo em sete anos consecutivos. Mais de 500 mil patentes da China foram entregues à plataforma internacional através do Tratado de Cooperação de Patentes. Ao mesmo tempo, a taxa de exportação de propriedade intelectual da China atingiu US$4,7 bilhões.

A supervisora de propriedade intelectual do Grupo Lenovo, Chen Yuanqing, disse na entrevista coletiva que a propriedade intelectual é importante para elevar a competitividade das empresas chinesas na concorrência internacional. O Lenovo produziu o primeiro laptop com uma tela dobrável de 360 graus em 2012. Nos próximos anos, algumas empresas concorrentes do Grupo Lenovo apresentaram produtos semelhantes.

“O produto foi apresentado em 2012, mas o conceito dele já havia sido criado em 2005. Naquele tempo, nós começamos a entregar pedidos de patente às autoridades relacionadas. Finalmente conseguimos a propriedade intelectual desse produto. Entre 2012 e 2014, já não havia laptop com tela dobrável de 360 graus no mercado. Isso significa que a nossa patente obteve vantagem na área por dois anos no mercado mundial.”

O ex-diretor do departamento de regulamentos do Escritório de Propriedade Intelectual da China, Yin Xintian, disse que o número de pedidos de patente da China em 2016 ultrapassou a soma dos números entregues pelos EUA, Japão, Coreia do Sul e União Europeia.

“Nós não devemos ficar cegamente otimistas com a nossa vantagem no número de patentes. A qualidade das patentes é algo que precisamos buscar. O nosso governo aplica muitas medidas voltadas a esse aspecto, na tentativa de diminuir os pedidos de patente de má qualidade.”

Chen Yuanqing disse que nos últimos anos, a China conseguiu uma série de tecnologias-chave de propriedade intelectual própria em áreas como telecomunicação, tecnologia aeroespecial, trem-bala e energia nuclear.

“Como uma empresária, eu testemunho as medidas positivas tomadas pela China para elevar a qualidade das patentes e cultivar a força motriz nas áreas-chave, para que a inovação seja transformada em tecnologia com alta eficiência.”

Para Chen Yuanqing, o futuro da propriedade intelectual da China é muito brilhante.

Tradução: Li Jinchuan

Revisão: Layanna Azevedo

Share

Mais Populares

Galeria de Fotos

Decoração de Natal em Hong Kong
China constrói a maior ponte ferroviária em arco do mundo
Exposição fotográfica em Londres comemora 40 anos da reforma e abertura da China
Belos cenários de neve na China
Restaurante de Beijing integra IA e atrai consumidores
Visita de Xi Jinping leva cultura chinesa ao mundo

Notícias

Projeto de Transferência de Água do Sul para o Norte beneficia 100 milhões de chineses
Macau sedia 7º Fórum Internacional de Energias Limpas
Tiroteio em catedral no Brasil deixa quatro mortos
Proteção à propriedade intelectual da China desempenha um papel importante no desenvolvimento do país
Agência Internacional de Energia elogia mercado de carbono da China
Empresas chinesas não devem sofrer tratamento discriminatório no Japão, diz Chancelaria chinesa