Beijing sedia Fórum Internacional de Redução da Pobreza 2018

Published: 2018-05-24 17:47:26
Comment
Share
Share this with Close
Messenger Messenger Pinterest LinkedIn

Foi realizado nesta quarta-feira (23), em Beijing, o Fórum Internacional de Redução da Pobreza da China 2018.

O fórum contou a participação do vice-diretor do Grupo Dirigente de Alívio da Pobreza e de Desenvolvimento do Conselho de Estado, Chen Zhigang, do diretor do departamento de imprensa ao exterior do Gabinete de Imprensa do Conselho de Estado, Hu Kaihong, do vice-diretor da Administração de Publicação de Línguas Estrangeiras da China, Fang Zhenghui, e de 200 convidados das nove instituições internacionais e dos 28 países e regiões do mundo.

Os representantes tiveram uma discussão profunda sobre os temas de combate à pobreza e de desenvolvimento. Chen Zhigang disse no seu discurso que o Partido Comunista da China e o governo chinês têm tratado o alívio da pobreza como sua missão histórica. Nos 40 anos após a reforma e abertura, as medidas para redução da pobreza ajudaram mais de 800 milhões de chineses, um milagre na história da redução da pobreza na humanidade. Após o 18º Congresso Nacional do Partido Comunista da China, a liderança central, com presidente Xi Jinping como núcleo, estabeleceu a meta de redução da pobreza para 2020, que tem sido concretizada com passos estáveis.

“Nos últimos cinco anos, a pobreza tem diminuído de forma considerável. O número de pessoas pobres nas zonas rurais caiu de 98 milhões, em 2012, para 30 milhões, em 2017. Isso representa uma redução anual média de 13,7 milhões de pessoas. A taxa de pobreza foi diminuída de 10,2% para 3,1%, com uma queda constante de número de distritos pobres.”

O representante da Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura para China e República Popular Democrática da Coreia, Vincent Martin, disse que apesar dos resultados positivos registrados recentemente na redução da pobreza no âmbito internacional, o problema de pobreza global permanece ainda um grande desafio enfrentado por todos no século 21.

“A cooperação internacional na redução da pobreza enfrenta um ponto de virada que necessita de uma colaboração ainda mais forte. O fórum de hoje é uma boa maneira, pois oferece uma plataforma para compartilharmos as experiências e concentrarmos os recursos.”

O representante do Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola para China e Mongólia, Matteo Marchisio, disse que o compartilhamento e a cooperação de conhecimentos é uma via importante para realizar a meta de alívio da pobreza.

“Desde 1950, quando as cooperações internacionais foram realizadas nesta área, o ponto-chave é como o conhecimento pode ser melhor compartilhado, utilizado e divulgado para o fim do desenvolvimento da humanidade.”

Para Marchisio, a experiência da China na redução da pobreza é pragmática e deve ser compartilhada com outros países.

 

Tradução: Li Jinchuan

Revisão: Diego

 

Share

Mais Populares

Galeria de Fotos

Fotos de atriz Ning Chang
Vista aérea da zona cênica da montanha Laoshan em Qingdao
Rússia lança nota de 100 rublos comemorativa da Copa do Mundo 2018
Cerimônia de graduação realizada na Universidade de Artes de Nanjing
Festival das flores: Chelsea Flower Show
10,000 visitantes compartilham tofu de 3,5 toneladas

Notícias

Beijing sedia Fórum Internacional de Redução da Pobreza 2018
Chanceler chinês reúne-se com colega norte-americano em Washington
China corta tarifa de importação de carros
Conheça o “Banco da Vida” em Shenzhen, maior banco de genes do mundo
Presidente da Argentina recebe Wang Yi em Buenos Aires
Wang Yi aborda complementariedade econômica com chanceler da Bulgária