Comentário: China e ASEAN escrevem nova página de ajuda mútua perante epidemia

Published: 2020-02-21 14:29:14
Share
Share this with Close
Messenger Messenger Pinterest LinkedIn

“Força, Wuhan! Força, China!”

Na reunião especial de chanceleres sobre a epidemia de pneumonia causada pelo novo coronavírus, entre a China e a Associação das Nações do Sudeste Asiático (ASEAN), realizada na quinta-feira (20) em Vientiane, capital do Laos, o conselheiro de Estado e chanceler chinês, Wang Yi, e seus colegas dos países-membros da organização, de mãos dadas, estimularam conjuntamente a luta contra a epidemia.

Na ocasião, os chanceleres dos países da ASEAN expressaram o bom desejo de seus povos, e também o compromisso para trabalhar junto com a China contra a epidemia.

A China e os países da ASEAN são vizinhos com destino comum. Com base na cooperação de benefício recíproco, a amizade profunda se enraíza na tradição de trabalhar juntos diante das dificuldades. Desde a crise financeira da Ásia, a epidemia causada pela SARS, o tsunami do Oceano Índico, até a epidemia atual do novo coronavírus, a China e os países da ASEAN têm superado momentos difíceis com esforços conjuntos.

Desde o início do surto do vírus, a parte chinesa tem adotado medidas de prevenção e controle mais abrangentes e rigorosas e assumido seus deveres como um país responsável, obtendo elogios da comunidade internacional, incluindo os países da ASEAM. Na reunião em Vientiane, os chanceleres participantes consideram por unanimidade que o sistema chinês de prevenção e controle coordenado contra a epidemia é sem precedentes na história humana, dizendo que é admirável a grande determinação da China para combater a epidemia.

Diante do surto do vírus, os países da ASEAM têm ficado no lado da China desde o início. Seus líderes expressaram solidariedade e apoio ao governo e povo chinês por diversos meios. Suas empresas e associações também recolheram materiais de assistência à parte chinesa.

A epidemia não tem fronteira. Nessa reunião especial de chanceleres, a parte chinesa apresentou quatro propostas de cooperação, recebendo respostas positivas dos países da ASEAN. O sucesso da reunião demonstrou a determinação firme da China e dos países membros da organização para superarem juntos esse momento difícil.

Através da cooperação ativa e estreita, a China e a ASEAN impedirão efetivamente a expansão da epidemia, garantirão a saúde de seus povos, bem como formarão uma comunidade com futuro compartilhado mais próxima.

tradução: Shi Liang

revisão: Diego Goulart

Share

Mais Populares

Galeria de Fotos

Mais pacientes do novo coronavírus recebem alta do hospital
Flores de ameixeira florescem em jardim ecológico em Shanghai
Equipe médica de Fujian parte para Wuhan
Voluntários doam sangue em Anhui
Estudantes iniciam aprendizado online na China
Mais empresas de Jinan retomam produção

Notícias

Turquia enaltece medidas chinesas na luta contra epidemia
Do caso do “Diamond Princess”, entende-se a prevenção da China contra epidemia
Benfica mostra solidariedade à China na Liga NOS
China confirma 1.779 altas hospitalares na quarta-feira
Província de Hubei toma medidas para encontrar pacientes com febre
Especialista destaca medicina tradicional chinesa na luta contra novo coronavírus