Comentário: CIIE ajuda países em desenvolvimento a gozar de benefícios da globalização

Published: 2019-11-06 20:56:06
Share
Share this with Close
Messenger Messenger Pinterest LinkedIn

Na área de exposição agrícola e de alimentos na 2ª Feira Internacional de Importação da China (CIIE, sigla em inglês) em Shanghai, muitos expositores provenientes de países em desenvolvimento expressaram um forte desejo de entrar no mercado chinês. Semelhante à primeira edição no ano passado, a exposição deste ano oferece dois estandes gratuitos a expositores de países menos desenvolvidos. Além disso, são organizadas várias feiras especiais para esses países, dando apoio e serviços para promover o seu desenvolvimento econômico e comercial.

Muitas economias em desenvolvimento estão em posições baixa e média na cadeia industrial global e têm oportunidades limitadas para entrar nos principais mercados do mundo. O atual aumento da tendência antiglobalização piora a situação. Em vista disso, a CIIE abriu uma “porta de oportunidades” para os países em desenvolvimento.

A China possui o maior mercado consumidor do mundo, onde vivem cerca de 400 milhões de consumidores de renda média e que mostra uma tendência de atualização do consumo. Embora esteja sendo realizada apenas pela segunda vez, a CIIE já ajudou muitos produtos típicos de países em desenvolvimento a encontrar suas oportunidades de negócios na China. Alguns produtos expostos na primeira edição já estão nas cestas de compra dos chineses.

A crescente paixão dos países em desenvolvimento em participar da exposição mostra, por um lado, a atração do grande mercado chinês, por outro, é também um sinal do reconhecimento dos esforços chineses em apoiar os países em desenvolvimento. Como disse Mukhisa Kituyi, secretário-geral da Conferência das Nações Unidas sobre Comércio e Desenvolvimento (UNCTAD), a exposição é de extrema importância diante do aumento do protecionismo e das barreiras comerciais, especialmente para os países em desenvolvimento, a CIIE mostra solidariedade e a vontade de estabelecer amizades.

A Exposição Internacional de Importação da China não apenas comercializa bens e serviços, mas também promove o intercâmbio de cultura e conceitos. Uma China mais aberta impulsionará continuamente o desenvolvimento inclusivo do mundo para que os resultados do desenvolvimento possam ser desfrutados por mais países e povos.

tradução: Shi Liang

revisão: Erasto

Share

Mais Populares

Galeria de Fotos

Vista aérea do Lago Oeste em Hangzhou
Festival Internacional de Circo da China realizado em Zhuhai
Reserva Nacional Natural de Wanglang, na província de Sichuan
Cenário de neve no parque Beiling em Shenyang
Panda gigante brinca na neve em Heilongjiang
Paisagem do lago Ruqin no ponto turístico de Lushan em Jiangxi

Notícias

Presidentes da China e do Suriname reúnem-se em Beijing
Presidente chinês salienta importância de cultivar talentos militares
Políticos dos EUA difamam a imagem da China com intenções sinistras, disse porta-voz da Chancelaria
Comentário: Investidores globais estão otimistas com o mercado de capitais da China
Compatriotas de Taiwan têm tratamento igualitário em mais setores na parte continental chinesa
Alto funcionário do PCCh critica ato dos EUA sobre Hong Kong