Comentário: “Lista de Fatos” mostra o quão inescrupulosos são os EUA para difamar a governança chinesa em Hong Kong

Fonte: CRI Published: 2021-09-24 19:55:22
Share
Share this with Close
Messenger Messenger Pinterest LinkedIn

O Ministério das Relações Exteriores da China divulgou hoje (24) uma lista de fatos que mostram a interferência dos Estados Unidos nos assuntos de Hong Kong e seu apoio às forças anti-China.

A lista tem cinco partes e listou 102 fatos de interferência estadunidense nos assuntos de Hong Kong, incluindo publicar leis relacionadas a Hong Kong, aplicar as chamadas sanções, abrigar e apoiar elementos anti-China e desestabilizadores, reunir aliados para intervir nos assuntos de Hong Kong, entre outros. A lista mostra quão inescrupulosa é a Casa Branca para difamar a governança chinesa em Hong Kong.

Através desta lista, podemos ver a atitude ambígua ridícula dos EUA em questões sobre democracia, liberdade, direitos humanos e estado de direito. Os EUA sempre usaram esses pretextos para interferir nos assuntos de Hong Kong e atacar a Lei sobre a Salvaguarda da Segurança Nacional na região, além de atrapalhar o aperfeiçoamento do sistema eleitoral da RAEHK. No entanto, o próprio país tem recordes ruins nestas áreas.

Atualmente, em todo o mundo se encontram caos e fatos de violação da democracia, direitos humanos, liberdade e estado de direito causados pelos EUA. O “defensor dos direitos humanos” é justamente o seu maior violador. A lista de fatos publicada pelo China pode servir como um espelho para os EUA verem sua imagem falsa de “pregador dos direitos humanos”.

O povo chinês não cria problemas, mas também não se acovarda diante deles. A tentativa dos EUA de frear o desenvolvimento da China por meio de perturbar Hong Kong não terá sucesso. A Lei sobre a Salvaguarda da Segurança Nacional em Hong Kong recuperou a segurança e a estabilidade da região, além de ter promovido a transformação da cidade, tirando-a da turbulância para a tranquilidade e revitalização. Com o andamento estável das eleições, o princípio de “governança de Hong Kong por patriotas” será implementado e o de “um país, dois sistemas” aperfeiçoado de modo a garantir a paz duradoura da região.

Tradução: Florbela Guo

Revisão: Erasto Cruz

Share

Mais Populares

Galeria de Fotos

Estudantes aprendem a escovar os dentes de maneira correta
Agricultores chineses celebram o Festival da Colheita
Jardim Yu em Shanghai
Montanha Qilian no outono
Paisagem da Montanha Tianmen na zona turística de Zhangjiajie
Lua cheia em diversos lugares na noite do Festival do Meio do Outono

Notícias

Veterinários dedicados ao resgate de animais marinhos em Hainan
​Visão: Macau elege novo parlamento
Acompanhe apresentação online de dança China-Brasil!
Taiping é pioneiro na erradicação da pobreza na pradaria
Comentário de charge: “Para onde os EUA podem voltar?”
Professor conclui tese de doutorado com ajuda de agricultores