Países ao longo do Cinturão e Rota reconhecem empresas chinesas

Published: 2020-11-04 10:52:48
Share
Share this with Close
Messenger Messenger Pinterest LinkedIn

O Relatório de Pesquisa de Imagem Global de Empresas Chinesas 2020 foi lançado ontem (3). O estudo mostra que é consenso que o desenvolvimento econômico da China tem um impacto positivo sobre o desenvolvimento econômico global, regional e doméstico. Os entrevistados de países ao longo do Cinturão e Rota reconhecem a relevância das relações bilaterais com a China, bem como o impacto positivo da construção do Cinturão e Rota. Os reforços da cooperação no investimento e no comércio, assim como da interconexão de infraestrutura, conquistaram o maior reconhecimento. As empresas chinesas têm recebido elogios por ajudarem no combate global à pandemia e no desenvolvimento sustentável. A televisão e a internet são os principais canais para esses entrevistados entenderem as empresas chinesas. Ao mesmo tempo, a cooperção com empresas chinesas em tecnologia, manufatura e construção de infraestrutura é a maior expectativa dos entrevistados.

A pesquisa foi realizada em 12 países ao longo do Cinturão e Rota, cobrindo cidadãos de diferentes regiões como Ásia, Europa, África e América do Sul. Um total de seis mil pessoas foram entrevistadas, 500 em cada país.

Tradução: André Hu

Revisão: Diego Goulart


Share

Mais Populares

Galeria de Fotos

Preparativos para CIIE ficam prontos
Aldeões secam suas colheitas na aldeia de Guifeng
Paisagem de outono da aldeia de Zhinan em Hangzhou
As autoridades de Gansu oferece treinamento profissionalizante gratuito para ajudar a aliviar a pobreza
Temporada de colheita de fruta de espinheiro vermelho arranca em Hebei
A primeira neve caiu na pradaria de Jiatang, na província de Qinghai, no sudoeste da China

Notícias

O que está por trás da tecnologia 5G
3ª Exposição Internacional de Importação da China é inaugurada em Shanghai
Ensino médio em São Paulo volta às aulas enquanto o Brasil registra 5,57 milhões infectados por Covid-19
CMG fará cobertura abrangente da 3ª CIIE
Universidade de Estudos Internacionais de Zhejiang, 65 anos educando para o desenvolvimento de uma Nova China
Pesquisa mostra que EUA são o maior produtor de lixo plástico