China mostra atitude sobre venda do TikTok nos EUA

Published: 2020-09-14 21:19:20
Share
Share this with Close
Messenger Messenger Pinterest LinkedIn

O porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da China, Wang Wenbin, explicou na coletiva de imprensa do dia 14 a atitude da China sobre a venda do TikTok nos EUA.

O porta-voz chinês disse que as sanções que a empresa chinesa encontrou nos EUA é uma transação de coerção governamental. Tem políticos nos EUA que utilizam a força nacional para sancionar empresas não americanas que possuem vantagem de liderança em determinada área com o objetivo de realizar o que chamam de “rede virtual limpa e justa”. A realidade mostra mais uma vez o hegemonismo econômico dos EUA.

Na ocasião, Wang Wenbin pediu ao governo dos EUA para criar um ambiente de negócios internacional aberto, justo, equitativo e não discriminatório para as empresas estrangeiras.

Tradução: Guo Hao

Revisão:Erasto Santos

Share

Mais Populares

Galeria de Fotos

Equipe de controle de desertificação trabalha ao longo da primeira rodovia desértica em Ningxia
Uma exposição abriu ao público para assinalar o 600º aniversário do palácio imperial da China
Um britânico cultiva o maior tomate da história do Reino Unido
Turistas visitam Jardim Botânico de Xiamen, na província de Fujian
Parabéns, professor!
Esforços de conservação apoiados por tecnologias modernas nas Grutas da Montanha Maiji

Notícias

Dingxi da província de Gansu: grandes mudanças na terra do loess
Chongli da província de Hebei: indústria esportiva impulsiona desenvolvimento de alta qualidade
Tirinha: a família de carneiro sob pandemia II
Proteção ambiental promove bem-estar da população em Dali
Exercício de resgate emergencial é realizado para Jogos Olímpicos de Inverno Beijing 2022
Chanceler chinês apela por regras aceitáveis sobre a segurança global de dados