China CDC descarta transmissão viral de animais ou da cepa de Wuhan no recente surto de COVID-19 em Beijing

Fonte: Xinhua Published: 2020-06-27 19:14:15
Share
Share this with Close
Messenger Messenger Pinterest LinkedIn

O Centro Chinês de Controle e Prevenção de Doenças (CDC) comunicou na sexta-feira que descartou a possibilidade de que o surto de COVID-19 em Beijing tenha sido causado por uma transmissão viral de animais ou pela cepa que anteriormente encontrada na cidade de Wuhan.

Em um relatório divulgado em seu website, o CDC da China mencionou que os testes massivos indicaram que o surto em Beijing deve ser controlado em breve.

Segundo o relatório, uma análise genética das amostras de dois pacientes com COVID-19 e uma amostra ambiental coletada no mercado atacadista de produtos agrícolas de Xinfadi mostrou que o vírus está relacionado a uma cepa europeia, que é mais antiga do que a que circula atualmente na Europa.

Os casos ligados ao mercado são mais prováveis de terem sido infectados através do contato entre pessoas, toque em superfícies de objetos contaminados ou ambos, o relatório.

Visto que o mercado está fechado desde 13 de junho, o risco de morbidade entre as pessoas expostas ao local fica cada vez menor, enquanto todos os contatos próximos estão sendo bem administrados, indicou.

Embora alguns casos sem conexão com o mercado de Xinfadi tenham sido descobertos recentemente, testes massivos de ácido nucleico em Beijing mostraram que a taxa de contágio não relacionada ao mercado é extremamente baixa, acrescentou.

Como Beijing intensificou o monitoramento e as medidas de distanciamento social, o risco de maior propagação é baixo, apontou o relatório.

Share

Mais Populares

Galeria de Fotos

Laboratórios de teste de ácido nucleico entra em operação experimental em Beijing
Pessoas chineses abraçam o Festival do Barco do Dragão
Beijing: residentes de comunidade realizam teste de ácido nucleico
Centro cultural em Urumqi
Paisagem de verão da pradaria Xilingol
Estradas turísticas ajudam aumentar a renda local

Notícias

OMS espera fornecer 2 bilhões de doses da vacina contra Covid até fim de 2021
Legislação de segurança nacional em Hong Kong amedronta perturbadores, diz alto funcionário da RAEHK
Lei de segurança nacional de Hong Kong oferece maior espaço para política de “Um País, Dois Sistemas”, diz alto funcionário da RAEHK
OMS alerta para ressurgimento da epidemia de Covid-19 na Europa
Huawei construirá centro de fabricação e P&D em optoeletrônica no Reino Unido
Parte continental chinesa relata 13 novos casos confirmados de COVID-19