China tem alta nas exportações em maio e queda nas importações

Fonte: Xinhua Published: 2020-06-08 17:23:01
Share
Share this with Close
Messenger Messenger Pinterest LinkedIn

As exportações da China denominadas em yuan aumentaram 1,4% em maio na base anual, para 1,46 trilhão de yuans (US$ 205,74 bilhões), mostraram os dados oficiais no domingo.

Já as importações caíram 12,7%, para 1,01 trilhão de yuans no mês passado, resultando em um superavit comercial de 442,75 bilhões de yuans, informou a Administração Geral das Alfândegas (AGA).

O comércio exterior de mercadorias diminuiu 4,9% ano a ano em maio, para 2,47 trilhões de yuans.

Nos primeiros cinco meses, o comércio exterior de bens caiu 4,9% ante 2019, para 11,54 trilhões de yuans, mantendo o mesmo nível de queda do período de janeiro a abril.

Até maio, a ASEAN permaneceu o maior parceiro comercial chinês, com o comércio subindo 4,2% ano a ano, para 1,7 trilhão de yuans, representando 14,7% do comércio exterior total da China.

O comércio com a União Europeia, os Estados Unidos e o Japão diminuiu durante o período, mostraram os dados da AGA.

No mesmo período, o volume de comércio exterior de empresas privadas se expandiu 1,8%, para 5,11 trilhões de yuans, representando 44,3% do volume do comércio exterior da China, um aumento de 2,9 pontos percentuais em relação ao mesmo período do ano passado.

O comércio geral, que representa uma cadeia produtiva mais longa e maior valor agregado como indicador chave da competência de comércio exterior de um país, diminuiu 4,7% ano a ano nos primeiros cinco meses. No entanto, representou 59,9% do comércio total do país, 0,1 ponto percentual a mais do que há um ano.

Observando que a pandemia da COVID-19 trouxe ondas de choque ao comércio global, especialistas dizem que é crucial para a China fortalecer a implementação de medidas para estabilizar o comércio exterior.

Share

Mais Populares

Galeria de Fotos

Shantou: uma cidade diversa, rica em história
Xiamen, um jardim sobre o mar
Belo dia de sol em Beijing
Shenzhen: uma cidade moderna, energética, internacionalizada e de moda
Idosos praticam aeróbica tradicional no parque Templo do Céu em Beijing
Próspera indústria de plantação de pêras em Xinjiang

Notícias

Emissão de títulos da China chega a US$ 680 bilhões em julho
Aldeia na região montanhosa de Chongqing está mais acessível e tecnológica
72% dos ingressos do Festival Internacional de Cinema de Beijing são vendidos em 10 minutos
​Começa construção do CMG Copyright Trade Center em Shanghai
Xi Jinping: PCCh sempre terá sucesso se governar para o povo
Mianmar inicia 4ª reunião da Conferência de Paz de Panglong do Século 21