China empenha-se pela paz e desenvolvimento do mundo

Fonte: CRI Published: 2019-12-31 21:11:17
Share
Share this with Close
Messenger Messenger Pinterest LinkedIn

Como a segunda maior economia do mundo, a China empenha-se na defesa da globalização econômica, promoção da governança global, manutenção da paz e desenvolvimento do mundo. Os esforços da China impressionam o mundo inteiro.

Em 2019, alteração climática, segurança da Internet, crise de refugiados e outras ameaças de segurança não-tradicionais continuaram se agravando no mundo. Alguns países promoveram o unilateralismo e a proteção comercial, impactando o sistema de governança global e o mecanismo multilateral. O FMI baixou por quatro vezes a taxa de crescimento econômico para 3%, chegando ao nível mais baixo desde a crise financeira global em 2008.

Nesse contexto, a China defende os princípios de diálogo, construção conjunta e compartilhamento. Em 2019, o governo chinês reafirmou, em várias plataformas cooperativas como G20 e Brics, que apoia a defesa do sistema internacional com as Nações Unidas como seu núcleo. A Quarta Reunião Plenária do 19º Comitê Central do Partido Comunista da China anunciou claramente que a China participará positivamente da reforma e construção do sistema de governança global, defendendo a paz mundial e promovendo firmemente o desenvolvimento comum.

Em 2019, com o aumento dos atritos internacionais, a base de confiança e cooperação internacional foi destruída. A China organizou a Conferência para o Diálogo das Civilizações Asiáticas, contribuindo para os países superarem conflitos e diferenças entre suas civilizações.

No ano passado, a China participou da solução de quase todas as questões pungentes regionais e internacionais. O país desempenhou papéis construtivos na questão nuclear da Coreia do Sul e nas questões do Afeganistão e da Síria. O país enviou mais de 2500 soldados de manutenção de paz para várias regiões do mundo. Atualmente, entre os membros permanentes do Conselho de Segurança, a China é o que envia o maior número de soldados de manutenção de paz, sendo também um dos principais países que contribuem neste assunto.

Como um representante das economias emergentes, a China sempre opina com equidade e tolerância, além de procurar um desenvolvimento equilibrado e benéfico para todos. Em 2019, a China sediou a 2ª edição da Exposição Internacional de Importação, continuou promovendo a construção do Cinturão e Rota e progrediu nas áreas de nova tecnologia. São novas explorações que o país faz para impulsionar o desenvolvimento humano.

Tradução: Florbela Guo

Revisão: Erasto Cruz

Share

Mais Populares

Galeria de Fotos

Paisagem de inverno da Montanha Emei, na província de Sichuan
Fotos aéreas da Ilha Yagong do arquipélago de Xisha, no Mar do Sul da China
Show de luzes em Wuhan
​Sanya, um perfeito destino turístico para fugir do frio do inverno
Parque temático mundo de gelo e neve abriu ao público
Entusiastas de esqui se divertem no Resort do Lago Songhua em Jilin

Notícias

​Alívio da pobreza por comércio eletrônico cobre todos os distritos pobres
Xi Jinping enfatiza os preparativos para os Jogos Olímpicos de Inverno com abertura de nova ferrovia de alta velocidade
China refuta difamação dos EUA sobre luta antiterrorista em Xinjiang
Secretário-geral da ONU: jovem é maior fonte de esperança
Reunião de liderança do PCCh sublinha importância de permanecer fiel à missão fundamental do Partido
Foguete Longa Marcha-5 é lançado com sucesso