​Xi Jinping participa da cerimônia em comemoração aos 20 anos do retorno de Macau à pátria

Fonte: CRI Published: 2019-12-20 14:24:13
Share
Share this with Close
Messenger Messenger Pinterest LinkedIn

A Cerimônia em Celebração dos 20 Anos do Retorno de Macau à China e da tomada de posse do 5º governo da Região Administrativa Especial de Macau (RAEM) foi realizada hoje (20) pela manhã na Nave Desportiva dos Jogos da Ásia Oriental de Macau. O secretário-geral do Comitê Central do Partido Comunista da China, presidente chinês e presidente da Comissão Militar Central, Xi Jinping, compareceu ao evento e proferiu um discurso.

O evento começou com o hino nacional. O presidente chinês, Xi Jinping, subiu à tribuna para supervisionar o juramento de posse. Diante da bandeira nacional e da bandeira da RAEM, Ho Iat Seng levantou sua mão direita e jurou de acordo com o regulamento da Lei Básica da região.

Ainda sob a supervisão de Xi Jinping, Ho Iat Seng liderou outros altos membros do 5º governo da RAEM a fazer o juramento de posse. Em seguida, sob a supervisão de Ho Iat Seang, os membros do Conselho Executivo da RAEM também fizeram o juramento de posse.

Xi Jinping, atribuiu os êxitos alcançados por Macau após seu retorno à pátria ao seguimento permanente na direção correta da política de “Um País, Dois Sistemas”. Xi Jinping disse que os compatriotas de Macau concordam profundamente que o conceito de “Um País” é a base dos “Dois Sistemas”. Eles protegem explicitamente o sistema constitucional definido pela Constituição e Lei Básica, respeitam o sistema socialista aplicado pelo país e tratam de forma correta as questões associadas às relações entre o governo central e a região administrativa especial. Os órgãos administrativos, legislativos e judiciários da RAEM combinam organicamente a garantia do direito de governança total do governo central e do direito de alta autonomia da região administrativa especial, atêm-se firmemente à linha vermelha do princípio de “Um País” e salvaguardam conscientemente os poderes centrais e da Constituição.

Xi Jinping afirmou que, ao implementar o princípio de “Um País, dois sistemas”, o governo da Região Administrativa Especial de Macau (RAEM) e os círculos sociais persistem em unificar a defesa da soberania, a segurança e o desenvolvimento nacional com a salvaguarda da prosperidade e estabilidade de Macau no longo prazo. Segundo ele, a RAEM não se abalou quando encontrou dificuldades e perturbações externas temporárias. A região aproveitou bem as estratégias nacionais de desenvolvimento e as oportunidades trazidas por apoios políticos, apostando no progresso regional ao mesmo tempo em que integra o avanço nacional.

O líder chinês afirmou ainda que após o retorno de Hong Kong e Macau à China, os assuntos das duas regiões administrativas especiais integram as questões internas da China, e não é preciso interferência de qualquer força externa.

Share

Mais Populares

Galeria de Fotos

Festa de gala em celebração ao retorno de Macau
Cisnes passam o inverno no pantanal do rio Amarelo
Beijing acolheu uma grande neve
Um hotel feito de gelo e neve em Mohe
Paisagem da montanha Wuyi,província de Fujian
Competição de produtos feitos de barro foi realizada em Chongqing

Notícias

Xi Jinping e Bolsonaro trocam mensagens de congratulações pelo lançamento do novo satélite de recursos terrestres China-Brasil
​Xi Jinping participa da cerimônia em comemoração aos 20 anos do retorno de Macau à pátria
Ho Iat Seng toma posse do chefe do Executivo da RAEM
Xi Jinping encontra-se com responsáveis dos órgãos administrativo, legislativo e judiciário de Macau
Xi Jinping reúne-se com Edmundo Ho
Xi Jinping visita escola secundária de Macau