Banco central chinês e Macau assinam acordo de troca de moedas

Fonte: CRI Published: 2019-12-06 11:10:23
Share
Share this with Close
Messenger Messenger Pinterest LinkedIn

Com autorização do Conselho de Estado chinês, o Banco Popular da China assinou nesta quinta-feira (5) um Acordo de Troca de Moedas com a Autoridade Monetária de Macau (AMCM). Trata-se de um novo mecanismo de cooperação na gestão monetária, visando assegurar a estabilidade financeira da parte continental e de Macau, além de incentivar o desenvolvimento econômico e financeiro. Isso reflete o apoio do governo central a Macau com relação ao desenvolvimento das operações em RMB (moeda chinesa) e à construção de uma plataforma de serviços financeiros entre a China e os países de língua portuguesa.

O acordo tem validade de três anos e é permitida renovação e atualização por consentimento mútuo. Conforme as cláusulas do tratado, o montante máximo acumulado de transações de troca será de 30 bilhões de yuans ou 35 bilhões de patacas (MOP, moeda de Macau). O mecanismo é preventivo e será iniciado pela AMCM apenas nas situações em que se verifique falta de liquidez em RMB no mercado financeiro de Macau.

Para coordenar o mecanismo, a AMCM já estabeleceu uma carteira de ativos em RMB no âmbito de reserva cambial e iniciará as transações de conversão de MOP para RMB e operações dos contratos de “Swaps” com os bancos locais.

tradução: Zhao Yan

edição: Diego Goulart

Share

Mais Populares

Galeria de Fotos

Um hotel feito de gelo e neve em Mohe
Paisagem da montanha Wuyi,província de Fujian
Competição de produtos feitos de barro foi realizada em Chongqing
O mar de nuvens na alvorada do inverno na cidade de Puer, província de Yunnan
Vista aérea do Lago Oeste em Hangzhou
Festival Internacional de Circo da China realizado em Zhuhai

Notícias

Banco central chinês e Macau assinam acordo de troca de moedas
​Comentário: Conspiração estadunidense para reprimir China através de Xinjiang é destinada ao fracasso
Vice-chanceler chinês destaca combate a forças internacionais anti-China
Organização chinesa sobre Direitos Humanos critica projeto de lei dos EUA sobre Xinjiang
​Comentário: Conspiração estadunidense sobre Hong Kong é destinada ao fracasso
China continuará respondendo à intervenção dos EUA nos assuntos de Xinjiang