Políticos de vários países valorizam as medidas de abertura da China

Published: 2019-11-06 21:10:35
Share
Share this with Close
Messenger Messenger Pinterest LinkedIn

A segunda Exposição Internacional de Importação da China (CIIE, na sigla em inglês) é realizada em Shanghai. Figuras políticas dos países participantes avaliaram positivamente a realização da CIIE e as medidas de abertura da China.

A diretora executiva do Centro de Comércio Internacional da ONU, Arancha GONZÁLEZ, afirmou que, segundo o discurso do presidente chinês Xi Jinping na inauguração da CIIE, a China expandirá ainda mais sua abertura de mercados, melhorará o ambiente de negócios e aprofundará a cooperação. Como uma grande potência exportadora mundial, a China participará cada vez mais do comércio internacional no futuro, além de abrir o mercado e permitir a entrada de mais empresas internacionais.

O presidente da Apex-Brasil, Sérgio Segovia, apontou que a China é o maior parceiro comercial do Brasil. A organização da segunda CIIE ajuda os exportadores brasileiros a entender melhor o mercado chinês e fornece aos expositores uma plataforma para mostrar seus produtos aos consumidores do mundo.

Tradução: Ângela Han

Revisão: Erasto Santos Cruz

Share

Mais Populares

Galeria de Fotos

Vista aérea do Lago Oeste em Hangzhou
Festival Internacional de Circo da China realizado em Zhuhai
Reserva Nacional Natural de Wanglang, na província de Sichuan
Cenário de neve no parque Beiling em Shenyang
Panda gigante brinca na neve em Heilongjiang
Paisagem do lago Ruqin no ponto turístico de Lushan em Jiangxi

Notícias

Presidentes da China e do Suriname reúnem-se em Beijing
Presidente chinês salienta importância de cultivar talentos militares
Políticos dos EUA difamam a imagem da China com intenções sinistras, disse porta-voz da Chancelaria
Comentário: Investidores globais estão otimistas com o mercado de capitais da China
Compatriotas de Taiwan têm tratamento igualitário em mais setores na parte continental chinesa
Alto funcionário do PCCh critica ato dos EUA sobre Hong Kong