Li Keqiang recebe líderes estrangeiros que participam do encerramento da Expo Beijing 2019

Published: 2019-10-09 19:42:30
Share
Share this with Close
Messenger Messenger Pinterest LinkedIn

O primeiro-ministro chinês, Li Keqiang, recebeu hoje (9) no Grande Palácio do Povo em Beijing o primeiro vice-primeiro-ministro do Quirguistão, Boronov, o vice-primeiro-ministro do Azerbaijão, Abutalybov, e o vice-primeiro-ministro do Camboja, Hor Nanhong. Os líderes estrangeiros estão em Beijing para participar do encerramento da Exposição Mundial de Horticultura de Beijing.

Na reunião com Boronov, Li Keqiang disse que a China está disposta a ampliar o comércio bilateral e investimentos, a fim de promover as relações bilaterais.

Ao receber Abutalybov, Li Keqiang salientou que a parte chinesa apoia o Azerbaijão por escolher o caminho de desenvolvimento mais apropriado ao seu país, e que quer manter a boa vizinhança e realizar o desenvolvimento conjunto.

No encontro com o vice-primeiro-ministro do Camboja, Li Keqiang disse que a China quer aprofundar a amizade, promover a negociação sobre o acordo bilateral de livre comércio, e defender a estabilidade e a prosperidade da região.

Tradução: Xia Ren

Revisão: Gabriela Nascimento

Share

Mais Populares

Galeria de Fotos

Vista aérea do Lago Oeste em Hangzhou
Festival Internacional de Circo da China realizado em Zhuhai
Reserva Nacional Natural de Wanglang, na província de Sichuan
Cenário de neve no parque Beiling em Shenyang
Panda gigante brinca na neve em Heilongjiang
Paisagem do lago Ruqin no ponto turístico de Lushan em Jiangxi

Notícias

Presidentes da China e do Suriname reúnem-se em Beijing
Presidente chinês salienta importância de cultivar talentos militares
Políticos dos EUA difamam a imagem da China com intenções sinistras, disse porta-voz da Chancelaria
Comentário: Investidores globais estão otimistas com o mercado de capitais da China
Compatriotas de Taiwan têm tratamento igualitário em mais setores na parte continental chinesa
Alto funcionário do PCCh critica ato dos EUA sobre Hong Kong