Xi Jinping recebe representantes destacados do setor educacional

Published: 2019-09-10 17:02:12
Share
Share this with Close
Messenger Messenger Pinterest LinkedIn

O presidente chinês, Xi Jinping, reuniu-se nesta terça-feira (10) com representantes de unidades e indivíduos destacados no circuito educacional no Grande Palácio do Povo, em Beijing. No encontro, o líder chinês expressou saudações do Dia dos Professores a docentes e trabalhadores do setor pedagógico de todo o país.

Xi Jinping, que também é secretário-geral do Comitê Central do Partido Comunista da China e presidente da Comissão Militar Central, apertou mãos e juntou-se a uma foto de grupo com os representantes. Eles foram homenageados em uma cerimônia de comemoração ao Dia dos Professores.

A vice-premiê chinês, Sun Chunlan, proferiu um discurso no evento. Ela disse que a educação do país experimentou mudanças significativas desde a fundação da República Popular da China há 70 anos. Os professores deram contribuições importantes para o desenvolvimento e progresso nacional.

Sun Chunlan pediu que as autoridades locais do setor continuem aumentando a remuneração dos professores, aumentem a atração dessa profissão e criem um bom ambiente de respeito e admiração aos professores e à educação.

Tradução: Paula Chen

Revisão: Erasto Santos Cruz

Share

Mais Populares

Galeria de Fotos

Vista aérea do Lago Oeste em Hangzhou
Festival Internacional de Circo da China realizado em Zhuhai
Reserva Nacional Natural de Wanglang, na província de Sichuan
Cenário de neve no parque Beiling em Shenyang
Panda gigante brinca na neve em Heilongjiang
Paisagem do lago Ruqin no ponto turístico de Lushan em Jiangxi

Notícias

Presidentes da China e do Suriname reúnem-se em Beijing
Presidente chinês salienta importância de cultivar talentos militares
Políticos dos EUA difamam a imagem da China com intenções sinistras, disse porta-voz da Chancelaria
Comentário: Investidores globais estão otimistas com o mercado de capitais da China
Compatriotas de Taiwan têm tratamento igualitário em mais setores na parte continental chinesa
Alto funcionário do PCCh critica ato dos EUA sobre Hong Kong