Provocação de uma guerra comercial só prejudicará interesses dos dois lados

Fonte: CRI Published: 2019-05-14 19:25:41
Comment
Share
Share this with Close
Messenger Messenger Pinterest LinkedIn

Em relação à ameaça dos Estados Unidos de adicionar tarifas sobre os produtos chineses exportados, o porta-voz da Chancelaria chinesa, Geng Shuang, afimou hoje (14) que a sobretaxa não soluciona a questão. A provocação de uma guerra comercial vai apenas prejudicar os interesses dos dois lados. A China não deseja iniciar uma guerra comercial, no entanto, tampouco teme lutar se for preciso. A parte chinesa não vai ceder à nenhuma pressão exterior, mantendo determinação quanto a capacidade de defender interesses legais e razoáveis.

Geng Shuang disse que em abril do ano passado, os EUA anunciou pela primeira vez a sobretaxa dos produtos chineses exportados para o seu país. Quanto a isso, a China deu imediatamente uma resposta firme. Após isto, os EUA lançaram constantemente novas ameaças, implementando oficialmente medidas para adicionar tarifas repetidas vezes, para as quais a China tomou firmes contramedidas.

Na semana passada, os EUA ameaçaram um aumento nas tarifas sobre os produtos chineses no valor de US$200 bilhões, de 10% para 25%. Isso causou discussões entre a comunidade internacional e uma reflexão dramática do mercado financeiro. A China aparentemente expressa que situações semelhantes a essa já aconteceu várias vezes. A posição e atitude da parte chinesa são bem claras, e os EUA sabem muito bem.

A China ainda apelou aos EUA para alterar a sua maneira antiga e caminhar na mesma direção, tentando alcançar um acordo de benefícios recíprocos. A comunidade enalteceu a postura calma e construtiva da China. Um grupo chinês ainda foi aos EUA para realizar negociações, demonstrando sinceridade no desejo de promover a solução das divergências com uma ação responsável. Contudo, nos EUA há quem julgue as circunstâncias de forma errada, ignorando a determinação e a capacidade da China ao defender os seus direitos e interesses, continuando assim a confundir a situação e a fazer pedidos irracionais. Claro que a China rejeita essa atitude e se opõe firmemente.

Tradução: Luana Xing

Revisão: Erasto

Share

Mais Populares

Galeria de Fotos

Exposição de civilizações asiáticas foi inaugurada em Beijing
Novo aeroporto de Beijing conclui primeiro voo de teste de aviões de passageiros
Jardim de Cerejeiras 203 em Dalian
As maravilhosas paisagens asiáticas
“Ônibus Panda” atrai atenções nas ruas de Fuzhou
Estudantes chineses comemoram Dia Mundial do Sorriso

Notícias

Comentário: Não manche o conceito de civilização por favor, senhora Skinner!
Saudades de Xi Jinping pela família e pela pátria
Novo aeroporto de Beijing conclui primeiro voo de teste de aviões de passageiros
Comentário: China está pronta para qualquer tempestade comercial
Governo dos Lagos Dajiu esforça-se pela proteção de pantanais
Guterres condena ataque a igreja católica em Burkina Faso