China e EUA cooperam no projeto da sonda luar Chang'e 4

Fonte: CRI Published: 2019-01-10 17:22:26
Comment
Share
Share this with Close
Messenger Messenger Pinterest LinkedIn

Antes do lançamento da sonda lunar chinesa Chang'e 4, a equipe da nave Lunar Reconnaissance Orbiter (LRO), da Administração Nacional da Aeronáutica e Espaço (NASA, na sigla em inglês) dos EUA, teve uma comunicação estreita com o grupo da missão. Os cientistas dos dois países trocaram opiniões quanto à utilização do satélite orbital lunar LRO para observar o pouso da sonda Chang'e 4, com objetivo de promover as pesquisas científicas. A NASA também compartilhou os dados orbitais do satélite LRO. Por sua vez, a parte chinesa forneceu o horário e local de aterrissagem da Chang'e 4. A informação foi verificada nesta quinta-feira (10) pela Administração Nacional de Espaço da China.

Além disso, a China também cooperou com a Alemanha, Suécia, Holanda, Rússia, Argentina, Arábia Saudita e a Agência Espacial Europeia no projeto da sonda Chang'e 4.

A Administração Nacional de Espaço da China declarou que quer fortalecer ainda mais a colaboração com as agências espaciais e as instituições de pesquisa em ciências espaciais de diversos países, além dos entusiastas da exploração espacial.

Tradução: Zhao Yan

Edição: Diego Goulart

Share

Mais Populares

Galeria de Fotos

Tripulação de trem-bala chinês prepara-se para o Festival da Primavera
Tesla inicia construção de fábrica em Shanghai
Pântano de metasequoias em Yunnan
Cidade Proibida realiza exposição comemorativa do Festival da Primavera
Pandas-gigantes se divertem no inverno de Shandong
Lanternas tradicionais são fabricadas para receber Festival da Primavera

Notícias

Comentário: China e EUA devem se esforçar conjuntamente pelo resultado positivo
China promoverá novas medidas para incentivar consumo e ampliar abertura
Chefe Executivo da RAEM recebe novo comandante da Guarnição do Exército chinês
Embaixador chinês reúne-se com alto oficial do Itamarty no Brasil
Palestina pede à ONU que impeça Israel de construir assentamentos judaicos
Dois acadêmicos ganham mais alto prêmio de ciência e tecnologia da China