China exige dos EUA e do Canadá a liberação imediata da alta funcionária de Huawei

Published: 2018-12-06 20:24:50
Comment
Share
Share this with Close
Messenger Messenger Pinterest LinkedIn

Meng Wanzhou, responsável das Finanças da Huawei e também filha do fundador e CEO da empresa chinesa, Ren Zhengfei, foi detida no dia 1 em Vancouver pela polícia do Canadá. O governo norte-americano está pedindo sua extradição.

Sobre isso, o porta-voz da Chancelaria chinesa, Geng Shuang, disse hoje (6) em Beijing que a China já fez representações solenes às partes canadense e norte-americana, exigindo dos dois países a liberação imediata de Meng Wanzhou e a garantia de seus direitos legítimos.

Segundo Geng, tanto o Canadá como os Estados Unidos não declararam nenhuma razão sobre a detenção de Meng Wanzhou. Isso viola gravemente seus direitos.


Share

Mais Populares

Galeria de Fotos

Hebei: colheita e secagem da pimenta no inverno
China lança novo robô de quatro patas, com capacidade de correr e subir escadas
Ponte de Guantang em Liuzhou
Paisagem invernal do lago Zhangdu
Chengdu aposta na criação de “bosques verticais”
Cozinheiros participam de competição de habilidades culinárias em Hebei

Notícias

China exige dos EUA e do Canadá a liberação imediata da alta funcionária de Huawei
Abrindo uma janela de esperança com benefício recíproco para mundo multipolar
Plataforma mundial do comércio eletrônico do Grupo Alibaba é estabelecida na Bélgica
Situação de emprego mantem-se estável em 2018
Washington realiza 11º Diálogo Anual China-EUA de CEOs e ex-Funcionários Públicos Sêniores
Reforma na zona do euro gera progresso