FIFA define distribuição das 48 vagas para Copa do Mundo 2026

Published: 2017-08-11 15:36:23
Share
Share this with Close
Messenger Messenger Pinterest LinkedIn

FIFA define distribuição das 48 vagas para Copa do Mundo 2026

O presidente da FIFA, Gianni Infantino, e os presidentes das confederações dos diversos continentes chegaram a um consenso quanto à distribuição de vagas para a Copa do Mundo de 2026, que contará com 48 seleções.

De acordo com a proposta, 46 equipes obterão vagas diretas para a Copa do Mundo 2026, incluindo 8 para a Ásia. A divisão é a seguinte: AFC (Ásia): 8 times, CAF(África): 9, CONCACAF (América do Norte e Central): 6, CONMEBOL (América do Sul): 6, OFC (Oceania): 1 e UEFA (Europa): 16.

O país anfitrião também se qualificará automaticamente e sua vaga será retirada da cota de sua confederação. No caso de Copa partilhada entre países, o número de nações que se classificarão automaticamente será decidido pelo Conselho da FIFA.

Os dois últimos lugares serão decididos em um torneio eliminatório, no sistema de play-off, envolvendo seis seleções, uma de cada confederação, exceto a UEFA, mais uma da confederação do país anfitrião. Destas seleções, as duas melhores, pelo ranking da FIFA, disputarão a vaga com os vencedores das partidas entre quatro outras equipes que se enfrentam em jogos eliminatórios. O torneio play-off será disputado no país anfitrião em novembro de 2025 e também será um evento de teste para a Copa do Mundo.

A proposta será submetida à ratificação do Conselho da FIFA, cuja próxima reunião está programada para o dia 9 de maio em Manama, Bahrein, dois dias antes do 67º Congresso da FIFA.


Share

Mais Populares

Galeria de Fotos

Vista aérea do Lago Oeste em Hangzhou
Festival Internacional de Circo da China realizado em Zhuhai
Reserva Nacional Natural de Wanglang, na província de Sichuan
Cenário de neve no parque Beiling em Shenyang
Panda gigante brinca na neve em Heilongjiang
Paisagem do lago Ruqin no ponto turístico de Lushan em Jiangxi

Notícias

Presidentes da China e do Suriname reúnem-se em Beijing
Presidente chinês salienta importância de cultivar talentos militares
Políticos dos EUA difamam a imagem da China com intenções sinistras, disse porta-voz da Chancelaria
Comentário: Investidores globais estão otimistas com o mercado de capitais da China
Compatriotas de Taiwan têm tratamento igualitário em mais setores na parte continental chinesa
Alto funcionário do PCCh critica ato dos EUA sobre Hong Kong