Mêncio na história (1) – a canonização de Mêncio

Published: 2021-12-10 10:31:24
Share
Share this with Close
Messenger Messenger Pinterest LinkedIn

Neste novo ciclo, apresentamos Mêncio e a obra homônima. Começamos com o paradoxo de que se tornou uma figura de proa do Confucionismo após permanecer ignorado por mais de mil anos. No século IX, o ensaísta Han Yu (dinastia Tang) elegeu Mêncio como o único herdeiro de Confúcio, em parte como reação ideológica ao Budismo. Com a nova separação da China em dois corpos políticos, a “Transmissão Ortodoxa do Dao”, agora incluindo os dois irmãos Cheng e Zhu Xi, consolidou o estatuto de Mêncio, que seria efetivamente canonizado como “Segundo Sábio” no século XIV.


Referências básicas:

Han Yu, Obras, “Ensaio sobre o Dao Original” (唐韩愈《韩昌黎集》卷十一《杂著一·原道》)

Cheng Hao e Cheng Yi, Obra Completa dos Irmãos Cheng, “Memorial fúnebre do Senhor Mingdao” (宋程顥、程頤《二程文集》卷第十二《明道先生墓表》)

Zhu Xi, Ensinamentos Orais do Mestre Zhu, “Sobre Confúcio, Mêncio, mestres Cheng, mestre Zhang” (《朱子语类》卷九十三《孔孟周程張子》)

Share

Mais Populares

Galeria de Fotos

Gaivotas encantam turistas no Lago Dianchi
Flores de ameixa florescem no Parque Florestal Nacional de Lianghuag em Huizhou
Chineses aproveitam tempo de lazer durante o feriado de Ano Novo
Paisagem de inverno da área cênica de Shenquanxia em Beijing
Exercícios matinais de moradores de Shanghai
Atletas amadores sêniores de hóquei no gelo realizam jogos em Harbin

Notícias

Xi Jinping inspeciona os preparativos dos Jogos Olímpicos de Inverno de Beijing
Equipe de hóquei no gelo composta por atletas amadores de mais de 60 anos
Começa gerenciamento de pequeno circuito no trânsito internacional para as Olimpíadas de Inverno
Ferrovia China-Laos transporta 170 mil toneladas de bens no 1º mês de funcionamento
Rede ferroviária de alta velocidade da China ultrapassa 40 mil quilômetros
Alívio em andamento depois de tremor de magnitude 5,5 atingir sudoeste da China