Aulas online permitem que crianças em regiões montanhosas gozem de recursos educacionais da cidade

Published: 2020-07-22 15:16:43
Share
Share this with Close
Messenger Messenger Pinterest LinkedIn

O alívio da pobreza deve apoiar-se na educação. Somente permitindo que as crianças em áreas pobres recebam uma boa educação é que a transmissão intergeracional da pobreza pode ser bloqueada completamente.

Nos últimos anos, por meio de aulas online, as crianças de aldeias montanhosas da província de Hunan, centro da China, vêm desfrutando de cada vez mais recursos educacionais de alta qualidade. Para elas, as sementes da esperança estão se enraizando e crescendo.

Esta é a última aula de matemática sincronizada online para os alunos do quinto ano da Escola Primária Furong, do distrito de Xinhuang. No outro lado da rede, está a professora Deng Shixiu, da Escola Yuying no distrito de Furong, em Changsha, capital provincial de Hunan. Aulas deste tipo baseadas na tecnologia da computação em nuvem já estão sendo realizadas na escola primária Furong em Xinhuang há um semestre.

A professora Deng disse: “Essas aulas reduzem a distância do tempo e espaço. Talvez vocês nem se atrevessem a pensar nisso antes. Agora, através da internet, você pode dar aulas todos os dias para crianças de uma aldeia montanhosa e interagir com elas todos os dias. Era impossível no passado fazer tal coisa.”

Dentre as crianças de aldeias montanhosas mencionadas pela professora Deng está Yang Jinmin, de 13 anos. A casa de Yang fica na aldeia de Bilang, cercada por montanhas, no distrito de Xinhuang, província de Hunan. Lá, falta recursos educacionais. A maioria dos aldeões precisa abandonar a escola para trabalhar na agricultura ou ir para a cidade à procura de emprego quando está no ensino médio. Poucas pessoas da aldeia conseguem sair das montanhas através do vestibular nacional e serem admitidas em universidades.

A mãe de Yang Jinmin disse: “Quando era criança, não tinha condições de frequentar a escola. Mas agora, vou fazer todo o possível para que meu filho consiga estudar.”

A reviravolta veio de uma nova escola. Com o objetivo de melhorar as condições educacionais em áreas pobres, o governo provincial de Hunan construiu várias escolas modernas de alta qualidade nos últimos anos para a matrícula de alunos de famílias carentes. Estas escolas são todas denominadas de “Escolas Furong”.

Em 2019, a Escola Furong do distrito de Xinhuang foi concluída e começou a receber matrículas. Yang Jinmin foi transferido da escola primária de sua aldeia para a Escola Furong. As 35 turmas da escola estabeleceram um programa de aulas sincronizadas online junto a escolas e professores famosos de cidades como Changsha e Huaihua, realizando regularmente o ensino remoto através de plataforma online. Aproveitando equipamentos como computadores, câmeras e banda larga de alta velocidade, as crianças nas montanhas podem ter aulas de alta qualidade a qualquer momento.

Wu Chaoxuan, estudante da Escola Furong no distrito autônomo da etnia Dong de Xinhuang, disse: “No passado, o professor falava nas aulas e nós apenas ouvíamos. Mas agora, a professora não só ensina, mas interage conosco. Me senti muito relaxada e alegre.”

Além das disciplinas básicas tradicionais, a escola também adicionou uma variedade de cursos de educação de qualidade, como comunicação oral. Yang Jinmin, que era originalmente introvertido, tornou-se agora a estrela da turma, e sua brilhante performance fez com que os alunos rissem muito.

Depois de frequentar a Escola Furong, Yang Jinmin adquiriu uma personalidade mais aberta, e sua pontuação em matemática melhorou de menos de 60 pontos para mais de 90. Além de aprender mais coisas na escola, Yang Jinmin costuma aproveitar os fins de semana ou feriados para voltar para casa e ensinar as crianças menores da aldeia. Os conteúdos das aulas sincronizadas online estão sendo transmitidos para dentro das aldeias.

O governo provincial de Hunan também dedica esforços na formação de contingente docente para as escolas Furong através do apoio preferencial em diversos programas educacionais, provendo o compartilhamento de recursos educacionais de alta qualidade entre as zonas urbana e rural.

Yang Guiliu, professora da Escola Furong do distrito de Xinhuang, disse: “Futuramente gostaria de dominar e praticar este método de ensino que prioriza os detalhes do conhecimento e estimula a iniciativa dos alunos, para que possam aprender e dominar bem mais o conteúdo das aulas.

Atualmente, há 16 escolas Furong que estão em funcionamento na província de Hunan. Até 2021, 100 escolas cobrirão todos os distritos montanhosos na província e 150 mil crianças poderão usufruir de recursos educacionais de alta qualidade.

Share

Mais Populares

Galeria de Fotos

Shantou: uma cidade diversa, rica em história
Xiamen, um jardim sobre o mar
Belo dia de sol em Beijing
Shenzhen: uma cidade moderna, energética, internacionalizada e de moda
Idosos praticam aeróbica tradicional no parque Templo do Céu em Beijing
Próspera indústria de plantação de pêras em Xinjiang

Notícias

Emissão de títulos da China chega a US$ 680 bilhões em julho
Aldeia na região montanhosa de Chongqing está mais acessível e tecnológica
72% dos ingressos do Festival Internacional de Cinema de Beijing são vendidos em 10 minutos
​Começa construção do CMG Copyright Trade Center em Shanghai
Xi Jinping: PCCh sempre terá sucesso se governar para o povo
Mianmar inicia 4ª reunião da Conferência de Paz de Panglong do Século 21