Maurício Santoro explica o quão importante é a parceria estratégica Brasil-China

Fonte: CRI Published: 2021-08-16 15:18:01
Share
Share this with Close
Messenger Messenger Pinterest LinkedIn

As relações diplomáticas entre a China e o Brasil completam 47 anos nesse domingo (15), e a formulação da parceria estratégica, 28 anos. O Sala de Visitas convidou o professor de Relações Internacionais da Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Maurício Santoro, para fazer uma retrospectiva e falar sobre as perspectivas do relacionamento sul-sul mais importante do mundo.

Para Santoro, também autor de um novo livro sobre as relações Brasil-China no século XXI, a busca pelo desenvolvimento e o objetivo comum de alcançar um mundo multipolar compartilhado por ambos os lados continuam tão forte hoje quanto em 1974. Já a concepção da parceria estratégica foi criada mesmo por diplomatas brasileiros para tratar o relacionamento com a China em 1993.

Nestes contextos, quais são os pontos fundamentais que suportam a parceria estratégica entre a China e o Brasil? Qual indicações para a ideologia não atrapalhar este relacionamento? O que os países podem fazer em conjunto para promover uma governança global mais justa e encarar os desafios mundiais? E onde está a limite entre a não intervenção em assuntos internos de outros e a responsabilidade global dos atores relevantes no palco mundial? Não perca o debate!

Share

Mais Populares

Galeria de Fotos

Parque cultural criativo em Hefei
Exposição temática de "Tintin e Hergé" realizada em Shanghai
Paisagem da Grande Muralha em Jinshanling
Entusiastas de Yoga praticaram sobre um corredor de vidro na montanha Bailiang
Campo de crisântemos em Minle
Aeroporto Internacional de Jiaozhou em Qingdao

Notícias

Talibã assume o controle do palácio presidencial em Cabul
Secretário-geral da ONU pede contenção a todas as partes da questão do Afeganistão
De mãos dadas
CIIE terá sua primeira zona de inteligência artificial
Foram feitas tentativas de anestesiar os elefantes durante sua viagem em Yunnan?
Mais 39.982 novos casos de Covid-19 são confirmados e o número total chega a 20,28 milhões