Web  portuguese.cri.cn  
Bicicletas dobráveis elétricas entram na moda das bicicletas compartilhadas na China
  2017-04-14 11:33:00  cri

Na medida em que as bicicletas compartilhadas tomaram a China de assalto, uma companhia entrou na indústria com um novo produto -- a bicicleta dobrável elétrica.

A Zhejiang Linju Smart Technology Co., fabricante da bicicleta elétrica, disse que ela tinha introduzido 400 e-bicicletas (bicicletas públicas compartilhadas com dispositivos de destravamento pelo celular) desde março na cidade de Jinhua, Província de Zhejiang, onde a companhia é sediada.

Uma e-bicicleta pode andar a uma velocidade de 20 quilômetros por hora e, quando estacionada, poderá ser dobrada até ficar do tamanho de uma folha de papel de A4, segundo a companhia.

As e-bicicletas precisam ser estacionadas em pontos designados onde podem ser recarregadas, e as baterias podem ser totalmente carregadas em apenas 20 minutos, segundo a companhia.

Para usar as bicicletas, os usuário têm de pressionar um botão na estação e escanear o código QR com seu celular. Ela custa 2 yuans (cerca de US$ 30 centavos) por hora, ou 20 yuans por dia. Nenhum depósito é necessário.

Desde o ano passado, uma inundação de bicicletas voltou às ruas da China -- antigamente conhecido como o Reino das Bicicletas -- graças ao desenvolvimento da tecnologia da internet, que permite aos usuários travar e destravar as bicicletas públicas com seus celulares.

As bicicletas compartilhadas estão sendo bem-vindas em muitas cidades chinesas cheias de problemas urbanos como poluição e engarrafamento. Mas os residentes que têm usado as bicicletas elétricas, particularmente no sul do país, esperam ver e-bicicletas compartilhadas também.

A companhia estabeleceu a meta de introduzir as e-bicicletas na capital provincial de Hangzhou ainda este ano, antes de se expandir nacionalmente. O objetivo é de 150 milhões e-bicicletas em 20 cidades até 2021.

 Imprimir  Comentar  Envie para um amigo
Leia mais
Comentário

v Paisagem aérea do distrito de Songjiang em Shanghai

v Paisagem do Parque Lago do Sul em Hebei no norte da China
mais>>
Aviso Vídeo
Para conhecer a fundo o Fórum do Cinturão e Rota para Cooperação Internacional, só na Rádio Internacional da China.

Cobertura completa em todas as mídias e em 65 idiomas, transmissão ao vivo em chinês, inglês e russo, notícias em tempo real nas novas mídias para 29 idiomas, reportagens especiais para internet, em 39 idiomas, além das reportagens cooperativas com 130 rádios no exterior.

Fortalecer cooperações internacionais, construir em conjunto "Um Cinturão e Uma Rota", procurar o desenvolvimento de ganhos mútuos.

Ranking dos textos mais lidos
• Sala de Visitas: A intérprete Raquel Martins conta sua trajetória na China e diz que o chinês é sua primeira língua, mas considera o português sua língua materna (Parte I)
• Bate-papo com vencedora na categoria Melhor Estudante do 3º ano do Prêmio Tomás Pereira 2017
• Estrela
• Conheça a culinária dos países ao longo de "Um Cinturão e Uma Rota"
• Sala de Visitas: O treinador de futebol Pedro Martins, o Pedrinho, numa conversa descontraída sobre o esporte e a paixão dos pequenos chineses pelo mundo da bola
• Freedom
mais>>
Galeria de fotos

Tapete vermelho do Festival Internacional de Cinema de Cannes

Mercado noturno em Xinjiang no noroeste da China

Kára McCullough, nova Miss Estados Unidos 2017

Caverna da dinastia Wei é atração turística em Hualai, província de Hebei
mais>>

• Fanzine Nº6, 2016

• Fanzine Nº5, 2016
mais>>
© China Radio International.CRI. All Rights Reserved.
16A Shijingshan Road, Beijing, China. 100040