Web  portuguese.cri.cn  
Reservas cambiais da China aumentam pelo quinto mês consecutivo
  2017-07-11 10:44:28  cri
As reservas cambiais da China aumentaram pelo quinto mês consecutivo em junho, indicando o alívio da pressão de fuga do capital, mostraram os dados do banco central divulgados sexta-feira.

As reservas ficaram em US$ 3,057 trilhões no fim de junho, aumento de US$ 3,2 bilhões ante o fim de maio.

Esse foi o quinto mês de aumento desde que as reservas caíram para abaixo da marca psicológica de US$ 3 trilhões em janeiro, aliviando as preocupações sobre saídas de capitais.

No primeiro semestre de 2017, o estoque das divisas aumentou US$ 46,3 bilhões, ou um crescimento de 1,5%, segundo a Administração Estatal de Divisas.

O órgão atribuiu a alta nas reservas cambiais em junho ao estável fluxo de capitais transfronteiriço e a valorização relativa dos ativos não denominados em dólar.

Havia preocupações sobre o fluxo do capital para fora do mercado chinês no segundo semestre de 2016, quando a economia estava enfrentando pressões para baixo e a moeda chinesa, o yuan, estava no meio de uma desvalorização acentuada contra o dólar dos Estados Unidos.

Como a economia da China tem um fundamento mais firme e o yuan continua a se estabilizar, o estoque começou a aumentar firmemente desde fevereiro.

Os dados econômicos recentes indicaram a força na economia chinesa, que cresceu 6,9% no primeiro trimestre do ano, bem acima do objetivo de crescimento anual, de aproximadamente 6,5%.

O oficial Índice de Gerentes de Compras (PMI) para o setor manufatureiro superou as previsões do mercado e aumentou de 51,2 em maio para 51,7 em junho, a segunda mais alta leitura do ano. O oficial PMI não manufatureiro também expandiu em um ritmo mais rápido em junho, acrescentando sinais de uma economia em estabilização.

Olhando adiante, como o país continua a abrir o mercado financeiro, o fluxo transfronteiriço de capitais continuará a se estabilizar enquanto a oferta e a procura no mercado de divisas ficarão equilibrados, segundo a Administração.

Os dados da sexta-feira também mostraram que as reservas de ouro do país caiu para US$ 73,59 bilhões no final de junho, ante os US$ 75 bilhões no fim de maio.

por Xinhua

 Imprimir  Comentar  Envie para um amigo
Leia mais
Comentário

v A aldeia fica no extremo norte da China

v Coleta de sal em Fujian, no sudeste da China
mais>>
Aviso Vídeo
Para conhecer a fundo o Fórum do Cinturão e Rota para Cooperação Internacional, só na Rádio Internacional da China.

Cobertura completa em todas as mídias e em 65 idiomas, transmissão ao vivo em chinês, inglês e russo, notícias em tempo real nas novas mídias para 29 idiomas, reportagens especiais para internet, em 39 idiomas, além das reportagens cooperativas com 130 rádios no exterior.

Fortalecer cooperações internacionais, construir em conjunto "Um Cinturão e Uma Rota", procurar o desenvolvimento de ganhos mútuos.

Ranking dos textos mais lidos
• Sala de visitas: O artista português Alexandre Farto, o Vhils, explica detalhes do seu estilo inovador, que já conquistou todos os continentes
• Sala de visitas: A jornalista brasileira Laís Carpenter fala sobre sua carreira e conta como veio morar na China
• Sabores do Brasil - Muqueca de Peixe e Camarão
• Entrevista com presidente da CMA Group do Brasil, José Sanchez
• Encontre aromas frescos do chá Tieguanyin em Anxi
• Entrevista com pianista portuguesa Marta Menezes
mais>>
Galeria de fotos

O primeiro trem maglev de Beijing foi testado no último sábado

Pinturas famosas foram transformadas pelo ilustrador chinês Along, utilizando o panda

A Pradaria de Hulunbuir é uma das quarto maiores pradarias do mundo

Um parque de estacionamento gigantesco e inteligente foi inaugurado em Beijing
mais>>

• Fanzine Nº2, 2017

• Fanzine Nº1, 2017
mais>>
© China Radio International.CRI. All Rights Reserved.
16A Shijingshan Road, Beijing, China. 100040