Web  portuguese.cri.cn  
China e Cazaquistão assinam acordos de cooperação no valor de US$ 8 bilhões
  2017-06-13 10:26:58  cri
As empresas e instituições financeiras da China e do Cazaquistão assinaram pelo menos 24 acordos no valor de mais de US$ 8 bilhões durante a visita do presidente chinês Xi Jinping ao Cazaquistão, disse na sexta-feira o ministro chinês do Comércio, Zhong Shan.

Ambos os lados concordaram em impulsionar o progresso de cooperação em energia, mineração, indústria química, manufatura mecânica, agricultura e infraestrutura, disse Zhong.

A China assinou um acordo com o Cazaquistão para lhe fornecer equipamentos de supercomputador, e os dois países estão discutindo a assinatura de um renovado acordo de proteção do investimento, disse.

As duas partes também assinaram um protocolo para aprovar a entrada da carne de carneiro congelada do Cazaquistão na China.

Zhong indicou que ambos os lados seguirão as medidas para facilitar o comércio bilateral, expandir a cooperação em economia e comércio, alfândegas e inspeção de qualidade, e consolidar a dinâmica de recuperação no comércio bilateral.

A China e o Cazaquistão concordaram em acelerar a implementação de planos para alinhar a Iniciativa do Cinturão e Rota proposta pela China com a nova política econômica cazaque "Caminho Brilhante".

A Iniciativa do Cinturão e Rota, proposta por Xi em 2013 e composta do Cinturão Econômico da Rota da Seda e da Rota da Seda Marítima do Século 21, tem como objetivo construir uma rede de comércio e infraestrutura conectando a Ásia com a Europa e a África ao longo das antigas rotas comerciais.

A política cazaque "Caminho Brilhante" pretende revitalizar a economia do país.

O Cazaquistão é um parceiro estratégico abrangente da China e um importante membro da Organização de Cooperação de Shanghai (OCS).

Xi está fazendo uma visita de Estado ao Cazaquistão.

Durante sua viagem, os dois países alcançaram uma série de consensos sobre comércio, investimento, energia e cooperação financeira, e obtiveram resultados positivos.

E na cúpula de Astana da OCS, Xi apresentou uma série de propostas econômicas e comerciais.

Para implementar estas propostas, Zhong disse que o Ministério do Comércio da China trabalhará para promover o arranjo do mecanismo para a cooperação econômica regional.

O ministério promoverá ativamente a cooperação entre as pequenas e médias empresas e entre os governos locais dos países membros da OCS.

A China também trabalhará para o estabelecimento de uma união de grupos de pesquisa econômica e fortalecerá a construção da capacidade através do aumento de intercâmbios entre pessoas.

por Xinhua

 Imprimir  Comentar  Envie para um amigo
Leia mais
Comentário

v Rua construída sobre edifício em Chongqing se torna viral nas redes sociais

v "Vila dos animais de estimação" estimula o desenvolvimento do município de Pinyang
mais>>
Aviso Vídeo
Para conhecer a fundo o Fórum do Cinturão e Rota para Cooperação Internacional, só na Rádio Internacional da China.

Cobertura completa em todas as mídias e em 65 idiomas, transmissão ao vivo em chinês, inglês e russo, notícias em tempo real nas novas mídias para 29 idiomas, reportagens especiais para internet, em 39 idiomas, além das reportagens cooperativas com 130 rádios no exterior.

Fortalecer cooperações internacionais, construir em conjunto "Um Cinturão e Uma Rota", procurar o desenvolvimento de ganhos mútuos.

Ranking dos textos mais lidos
• Trajes do Hong Yao
• Memória original
• Wang Yuan, praticante da proteção ambiental familiar
• Conheça os tipos e benefícios do aspargo para saúde
• Deputado brasileiro avalia positivamente relações políticas entre Brasil e China
• O caminho dos negócios de Wang Yang, das pistas para o patins perfeito
mais>>
Galeria de fotos

Entusiastas praticam yoga em toda a China

Vista aérea da cidade costeira de Qingdao

Solstício de Verão

Fabricantes chineses apresentam seus produtos no Show Aéreo de Paris
mais>>

• Fanzine Nº1, 2017

• Fanzine Nº6, 2016
mais>>
© China Radio International.CRI. All Rights Reserved.
16A Shijingshan Road, Beijing, China. 100040