Web  portuguese.cri.cn  
China faz voo de estreia do C919, seu primeiro jato comercial de grande porte
  2017-05-05 19:55:36  cri

O primeiro jato de passageiros de grande porte produzido pela China, o C919, fez nesta sexta-feira (5) seu voo de estreia em Shanghai. A aeronave decolou do Aeroporto Internacional de Pudong e fez um voo de 90 minutos. Por questões de segurança, o C919 não recolheu o trem de pouso e foi acompanhado por outro avião.

Com capacidade de 168 passageiros, o C919 foi desenvolvido pela China conforme as normas internacionais de aeronavegabilidade e de operação do mercado. O vice-designer-geral do C919 Zhou Guirong afirmou que, em comparação com outros jatos comerciais do mesmo padrão, o jato chinês apresenta inúmeros avanços.

"Entre os jatos do mesmo nível, os sistemas de navegação e o piloto automático do C919 são melhores. Utilizamos as tecnologias e estruturas mais novas. O sistema eletrônico é integrado modular, o que faz com que a atualização do avião seja mais rápida e a um custo menor."

Zhou revelou ainda que o C919 conta com várias funções mais avançadas do setor em todo o mundo. Por exemplo, a aeronave é equipada com novos sensores que permitem maior segurança de deslocamento e aterrisagem no smog ou em outras condições de baixa visibilidade. O jato ainda usa a tecnologia de banda larga sem fios para facilitar a comunicação dos passageiros.

Depois do primeiro voo, os trabalhos da pesquisa do C919 entraram numa nova fase. O plano é produzir seis aviões para diferentes tarefas de testes. O engenheiro-geral da Corporação de Aeronaves Comerciais da China (COMAC), Jiang Jian, disse que ainda serão feitos muitos trabalhos da pesquisa.

"O primeiro voo é uma parte da pesquisa para testar os parâmetros, desempenho e funções da aeronave. Haverá ainda muito aprimoramento. É apenas o primeiro voo. A pesquisa não terminou."

Mesmo que ainda esteja na fase de pesquisa, o C919 já recebeu 570 encomendas de 23 empresas aéreas chinesas e estrangeiras, entre elas, a Air China, a General Electric, dos EUA, PuRen Airlines, da Alemanha e a CityAirways, da Tailândia.

Outro vice-designer-geral do C919, Fu Guohua, se diz otimista com o futuro mercado do jato.

"Só no mercado doméstico, a necessidade mínima será de 2.000 unidades. A maioria delas irá substituir os jatos velhos. Com o desenvolvimento econômico da China, especialmente o desenvolvimento da indústria de logística, a procura será ainda maior."

Tradução: Luís Zhao

Revisão: Rafael Fontana

 Imprimir  Comentar  Envie para um amigo
Leia mais
Comentário

v Renomado artesão produz máscaras do deus "Manghao" no sudoeste da China

v Sansha, a cidade mais jovem da China
mais>>
Aviso Vídeo
Para conhecer a fundo o Fórum do Cinturão e Rota para Cooperação Internacional, só na Rádio Internacional da China.

Cobertura completa em todas as mídias e em 65 idiomas, transmissão ao vivo em chinês, inglês e russo, notícias em tempo real nas novas mídias para 29 idiomas, reportagens especiais para internet, em 39 idiomas, além das reportagens cooperativas com 130 rádios no exterior.

Fortalecer cooperações internacionais, construir em conjunto "Um Cinturão e Uma Rota", procurar o desenvolvimento de ganhos mútuos.

Ranking dos textos mais lidos
• Entrevista com presidente da CMA Group do Brasil, José Sanchez
• Encontre aromas frescos do chá Tieguanyin em Anxi
• Entrevista com pianista portuguesa Marta Menezes
• Sala de visitas: Sergio Moreira Lima fala sobre a importância histórica da diplomacia brasileira na América do Sul e no mundo (Parte II)
• Entrevista com secretário de Relações Internacionais do Ministério da Agricultura brasileiro
• Conheça os tipos e benefícios de oleaginosas
mais>>
Galeria de fotos

Artista recria obras de arte e fotos de famosas com cachorro quente

Um bar inspirado em "Game of Thrones" é inaugurado em Washington

Vista panorâmica de terras agrícolas e aldeias em Guizhou

Navios da Marinha chinesa em alto mar
mais>>

• Fanzine Nº2, 2017

• Fanzine Nº1, 2017
mais>>
© China Radio International.CRI. All Rights Reserved.
16A Shijingshan Road, Beijing, China. 100040