Web  portuguese.cri.cn  
Empresas chinesas oferecem produtos e serviços customizados a países de "Cinturão e Rota"
  2017-05-01 19:22:07  cri

A estratégia "Um Cinturão e Uma Rota" lançada em 2013 pela China entrou agora na fase de cooperações pragmáticas. Muitas empresas chinesas oferecem produtos e serviços customizados que correspondem às realidades e costumes dos consumidores dos países envolvidos na iniciativa.

O Grupo Inspur, com sede em Jinan, capital da província de Shandong, leste da China, fornece projetos de computação em nuvem, cujos negócios já são efetuados em 108 países e regiões do mundo. O Inspur criou um departamento especial para os negócios com foco nos países que integram "Um Cinturão e Uma Rota", oferecendo serviços personalizados conforme as características e necessidades de cada cliente.

O vice-presidente dos Negócios Estrangeiros do Inspur, Wang Junqiang, disse que nos países onde faltam talentos, a empresa envia seus próprios técnicos para permanecer no país. O projeto de cobrança de impostos no Zimbábue é um exemplo.

"Os serviços de consulta das empresas norte-americanas, como a IBM, cobram por hora. Quando os engenheiros chegam ao lugar, começa a contagem. Depois de resolver o problema, os técnicos vão embora, e só voltam se houver outro problema. O que nós fazemos é diferente. Temos técnicos que moram no país para garantir o funcionamento do projeto. Temos sempre engenheiros que trabalham "in loco". A qualquer dia, se ocorrer qualquer problema, ele será resolvido imediatamente. Somos praticamente uma babá do cliente."

Outra renomada empresa chinesa de eletrodomésticos, a Haier, também confecciona produtos personalizados para satisfazer às exigências dos clientes. A fábrica da Haier na Rússia, por exemplo, pesquisou um novo tipo de geladeira de 2 metros de altura, com alta eficiência energética, conforme a realidade local. Isso porque os russos querem mais espaço na cozinha, mas elas normalmente são pequenas. Esse novo produto fez a venda de geladeiras da Haier aumentar três vezes na Rússia e na Ásia Central. A previsão é que, neste ano, a venda irá crescer mais de 40%.

O vice-presidente para o mercado estrangeiro da Haier, Zhang Qingfu, revelou que os pesquisadores da Haier visitaram quase todos os lugares que correspondiam aos mercados-alvo, como escolas, famílias e hospitais, para conhecer exatamente as necessidades dos clientes potenciais.

"A nossa ideia é fazer novos produtos que correspondam às necessidades dos clientes. Desta maneira podemos conduzir uma tendência. Caso contrário, você vai apenas seguir os outros, e assim é impossível criar uma identidade própria."

Tradução: Luís Zhao

Revisão: Rafael Fontana

 Imprimir  Comentar  Envie para um amigo
Leia mais
Comentário

v Renomado artesão produz máscaras do deus "Manghao" no sudoeste da China

v Sansha, a cidade mais jovem da China
mais>>
Aviso Vídeo
Para conhecer a fundo o Fórum do Cinturão e Rota para Cooperação Internacional, só na Rádio Internacional da China.

Cobertura completa em todas as mídias e em 65 idiomas, transmissão ao vivo em chinês, inglês e russo, notícias em tempo real nas novas mídias para 29 idiomas, reportagens especiais para internet, em 39 idiomas, além das reportagens cooperativas com 130 rádios no exterior.

Fortalecer cooperações internacionais, construir em conjunto "Um Cinturão e Uma Rota", procurar o desenvolvimento de ganhos mútuos.

Ranking dos textos mais lidos
• Entrevista com presidente da CMA Group do Brasil, José Sanchez
• Encontre aromas frescos do chá Tieguanyin em Anxi
• Entrevista com pianista portuguesa Marta Menezes
• Sala de visitas: Sergio Moreira Lima fala sobre a importância histórica da diplomacia brasileira na América do Sul e no mundo (Parte II)
• Entrevista com secretário de Relações Internacionais do Ministério da Agricultura brasileiro
• Conheça os tipos e benefícios de oleaginosas
mais>>
Galeria de fotos

Artista recria obras de arte e fotos de famosas com cachorro quente

Um bar inspirado em "Game of Thrones" é inaugurado em Washington

Vista panorâmica de terras agrícolas e aldeias em Guizhou

Navios da Marinha chinesa em alto mar
mais>>

• Fanzine Nº2, 2017

• Fanzine Nº1, 2017
mais>>
© China Radio International.CRI. All Rights Reserved.
16A Shijingshan Road, Beijing, China. 100040