Web  portuguese.cri.cn  
Investimentos estrangeiros na China recuam 9,2% em janeiro
  2017-02-16 18:43:33  cri

Os investimentos estrangeiros absorvidos pela China em janeiro deste ano registraram uma queda de 9,2% em comparação com o mesmo período do ano passado. Os dados foram anunciados hoje (16) pelo Ministério do Comércio da China. Apesar do resultado, o órgão chinês afirmou que a oscilação se deve principalmente ao feriado nacional do Festival da Primavera. O país continua sendo o destino mais procurado por investidores em todo o mundo.

Em janeiro, 2.010 empresas de capitais estrangeiros fizeram registros para se instalar na China, um aumento de 0,1% em comparação com período idêntico do ano passado. O país absorveu no primeiro mês de 2017, 80,1 bilhões de yuans em investimentos estrangeiros, uma queda de 9,2%. O porta-voz do Ministério do Comércio, Sun Jiwen, analisou o fenômeno.

"A queda se deve a dois factores. Primeiro, as estatísticas registradas em janeiro do ano passado eram bastante altas. E, neste ano, o mês coincidiu com o Festival da Primavera. Queria ressaltar que a oscilação observada em janeiro não indicará a tendência do ano inteiro."

Ainda de acordo com Sun, a estrutura dos investimentos estrangeiros se alinha com a otimização estrutural que o país está promovendo. Por exemplo, o setor manufatureiro de alta tecnologia absorveu em janeiro 5,42 bilhões de yuans, um aumento de quase 40% em relação ao mesmo período do ano passado. O setor de serviços de alta tecnologia, por outro lado, atraiu 8 bilhões de yuans em investimentos estrangeiros, um incremento de 11%. O porta-voz chinês garantiu que a China mantém sua competitividade.

"Durante o período do 13º Plano Quinquenal, a previsão é que a economia chinesa mantenha um crescimento anual superior a 6,5%. Continuará sendo um dos mercados que mais crescem no mundo. O mercado de consumo chinês se tornará também o maior do mundo nos próximos três anos. Os consumidores chineses gastaram no ano passado 33 trilhões de yuans. Além disso, com o aprofundamento da reforma, o país vai abrir mais setores aos investidores estrangeiros e melhorar o seu ambiente de investimentos."

Os investidores chineses investiram no mês passado, 53,27 bilhões de yuans em 108 países e regiões, um recuo de 35,7% em comparação com o mesmo período do ano passado. Sun Jiwen explicou o fluxo dos investimentos chineses fora do país.

"O dinheiro foi principalmente para os setores de manufactura e de informática. Os valores nesses dois segmentos cresceram 79,4% e 33,1% respectivamente. Os capitais chineses destinados ao setor imobiliário e entretenimento caíram 84,3% e 93,3%."

Tradução: Inês Zhu

Revisão: Rafael Fontana

 Imprimir  Comentar  Envie para um amigo
Leia mais
Comentário

v Desfile de Guo Pei na Semana de Moda de Bangcoc

v Peixes Mahi-mahi são fotografados durante expedição ao Mar do Sul da China
mais>>
Aviso Vídeo
A página da Rádio Internacional da China vai transmitir ao vivo a cerimônia de abertura da 5ª Conferência Ministerial do Fórum para a Cooperação Econômica e Comercial entre a China e os Países de Língua Portuguesa, na qual o primeiro-ministro chinês, Li Keqiang, proferirá um discurso temático. A transmissão começará às 09h45 na próxima terça-feira (11) e ocorrerá em português, mandarim e inglês. Acompanhe!
Ranking dos textos mais lidos
• Sala de Visitas: Da arquitetura para a música, a croata Miranda Vukasovic conta sua trajetória desde a Europa até a China, passando pelo Brasil
• Luz
• Viagem
• Sabores do Brasil - pão de queijo
• FC Barcelona e grupo chinês cooperam pela promoção do desenvolvimento do futebol na China
• Culinária saborosa e diversificada do Peru
mais>>
Galeria de fotos

Os melhores destinos para um tour gastronômico na China

Paisagem de Parque Wulongtan em Jinan

Evento "Globo Espetacular" é realizado na Austrália

As posições mais estranhas para dormir
mais>>

• Fanzine Nº6, 2016

• Fanzine Nº5, 2016
mais>>
© China Radio International.CRI. All Rights Reserved.
16A Shijingshan Road, Beijing, China. 100040