Web  portuguese.cri.cn  
Melhora de instalações em postos em rodovias ajuda mães com bebês durante viagem antes da Festa da Primavera
  2017-01-26 18:39:57  cri
A trabalhadora migrante Li Caimei decidiu ir para casa de moto com seu bebê recém-nascido.

Ela fez isso para guardar um dinheiro extra, apesar de um bilhete ferroviário da Província de Guangdong, onde ela trabalha, para a sua terra natal na Região Autônoma da Etnia Zhuang de Guangxi, a 250 quilômetros, custar apenas 60 yuans (US$ 8,7).

A distância não é longa entre 3 bilhões de viagens esperadas durante o Chunyun da China, ou período do rush antes da Festa da Primavera, mas não é ideal para o seu bebê de dois meses, que chora com frequência.

"A temperatura é muito baixa e meu bebê até pegou uma gripe", disse.

Ao estacionar para descansar em um posto de serviço especialmente estabelecido para o período do Chunyun, Li ficou surpresa ao encontrar um aquecedor elétrico, chá quente de gengibre e uma sala de maternidade.

Satisfeito com leite e o ambiente aquecido, o bebê parou de chorar. Trabalhadores do posto também cuidaram do bebê por algum tempo, para que Li pudesse descansar.

"Descobrimos durante o Chunyun do ano passado que as casas de maternidade eram algo bastante necessário, mas não tínhamos o suficiente", disse Jiang Yingming, que trabalha no posto e é a mãe de uma criança de seis anos. "Especialmente para as mães lactantes, é importante estabelecer um espaço privado e quente para elas."

A cidade de Hezhou de Guangxi é um eixo importante de transporte para pessoas que viajam para províncias vizinhas como Hunan e Guizhou. O departamento policial local estimou que mais de 200 mil trabalhadores migrantes viajarão para casa de moto neste ano, por isso decidiu estabelecer instalações para mães e bebês pela primeira vez.

"Essas casas oferecem muita ajuda para mães, crianças e as pessoas que sofrem algum ferimento no caminho para casa", disse Jiang à Xinhua.

A China melhorou instalações públicas para mães e bebês durante os últimos anos. Aeroportos, estações ferroviárias e postos de gasolina de muitas cidades incluindo Beijing, Shanghai, Nanning e Lhasa do Tibet, equiparam instalações para mães e bebês durante o Chunyun.

Uma linha de direção emitida pela Comissão Nacional da Saúde e do Planejamento Familiar disse que todos os aeroportos e as principais estações ferroviárias em capitais provinciais deveriam se equipar com instalações para mães e bebês antes do final de 2016. Até 2020, todos os lugares públicos deverão oferecer essas instalações.

por Xinhua

 Imprimir  Comentar  Envie para um amigo
Leia mais
Comentário

v A aldeia fica no extremo norte da China

v Coleta de sal em Fujian, no sudeste da China
mais>>
Aviso Vídeo
Para conhecer a fundo o Fórum do Cinturão e Rota para Cooperação Internacional, só na Rádio Internacional da China.

Cobertura completa em todas as mídias e em 65 idiomas, transmissão ao vivo em chinês, inglês e russo, notícias em tempo real nas novas mídias para 29 idiomas, reportagens especiais para internet, em 39 idiomas, além das reportagens cooperativas com 130 rádios no exterior.

Fortalecer cooperações internacionais, construir em conjunto "Um Cinturão e Uma Rota", procurar o desenvolvimento de ganhos mútuos.

Ranking dos textos mais lidos
• Sala de visitas: O artista português Alexandre Farto, o Vhils, explica detalhes do seu estilo inovador, que já conquistou todos os continentes
• Sala de visitas: A jornalista brasileira Laís Carpenter fala sobre sua carreira e conta como veio morar na China
• Sabores do Brasil - Muqueca de Peixe e Camarão
• Entrevista com presidente da CMA Group do Brasil, José Sanchez
• Encontre aromas frescos do chá Tieguanyin em Anxi
• Entrevista com pianista portuguesa Marta Menezes
mais>>
Galeria de fotos

O primeiro trem maglev de Beijing foi testado no último sábado

Pinturas famosas foram transformadas pelo ilustrador chinês Along, utilizando o panda

A Pradaria de Hulunbuir é uma das quarto maiores pradarias do mundo

Um parque de estacionamento gigantesco e inteligente foi inaugurado em Beijing
mais>>

• Fanzine Nº2, 2017

• Fanzine Nº1, 2017
mais>>
© China Radio International.CRI. All Rights Reserved.
16A Shijingshan Road, Beijing, China. 100040