Web  portuguese.cri.cn  
Macau inicia construção de Complexo da Plataforma de Serviços para Cooperação Comercial entre China e Países de Língua Portuguesa
  2016-10-11 17:07:47  cri
Foi realizada nesta terça-feira a cerimônia que marca o início da construção do Complexo da Plataforma de Serviços para a Cooperação Comercial entre a China e os Países de Língua Portuguesa, o que simboliza um novo patamar para Macau na criação da Plataforma de Serviços para a Cooperação Comercial entre a China e os Paises de Língua Portuguesa.

A cerimônia ocorreu na 5ª Conferência Ministerial do Fórum para a Cooperação Econômica e Comercial entre a China e os Países de Língua Portuguesa (Fórum de Macau) e foi presidida pelo primeiro-ministro chinês, Li Keqiang.

O chefe do Executivo da Região Administrativa Especial de Macau (RAEM), Chui Sai On, discursou antes da cerimônia e afirmou que o governo da RAEM planejou a construção do Complexo para acelerar a concretização da meta estratégica sobre a criação da Plataforma.

O Complexo será construído nas Zonas C15 e C16 dos Lagos Nam Van, com uma área de cerca de 14,2 mil metros quadrados. Além de sediar as convenções para o Fórum de Macau, terá o Centro de Exposição dos Produtos Alimentares dos Países de Língua Portuguesa; o Centro de Serviço Empresarial entre a China e os Países de Língua Portuguesa; o Centro de Formação; e o Centro de Informações.

Também contará com o Pavilhão sobre Relações Econômica, Comercial e Cultural entre a China e os Países de Língua Portuguesa e o Pavilhão de Exposição sobre o desenvolvimento urbanístico de Macau. Disponibilizará escritórios temporários e permanentes para os serviços públicos, órgãos e associações da China e dos países lusófonos envolvidos na construção da Plataforma e na organização do Fórum.

O Complexo é uma construção que simboliza e integra diversos elementos, que são o intercâmbio econômico e comercial, apoio empresarial, convenções e exposições, exibição cultural, formação de recursos humanos e exposição sobre o desenvolvimento urbanístico.

Também terá um lugar para atividades de intercâmbio econômico e comercial, de convenções e exposições culturais em Macau. Como uma construção emblemática de vários serviços em um só lugar para as empresas chinesas, lusófonas e de Macau e uma Plataforma de Exposição para empresas, habitantes e turistas, permitirá a Macau desempenhar ainda mais o papel de Plataforma de Serviços para a Cooperação Comercial entre a China e os Países de Língua Portuguesa.

por Xinhua

 Imprimir  Comentar  Envie para um amigo
Leia mais
Comentário

v Vista aérea da cidade costeira de Qingdao

v Entusiastas praticam yoga em toda a China
mais>>
Aviso Vídeo
Para conhecer a fundo o Fórum do Cinturão e Rota para Cooperação Internacional, só na Rádio Internacional da China.

Cobertura completa em todas as mídias e em 65 idiomas, transmissão ao vivo em chinês, inglês e russo, notícias em tempo real nas novas mídias para 29 idiomas, reportagens especiais para internet, em 39 idiomas, além das reportagens cooperativas com 130 rádios no exterior.

Fortalecer cooperações internacionais, construir em conjunto "Um Cinturão e Uma Rota", procurar o desenvolvimento de ganhos mútuos.

Ranking dos textos mais lidos
• Trajes do Hong Yao
• Memória original
• Wang Yuan, praticante da proteção ambiental familiar
• Conheça os tipos e benefícios do aspargo para saúde
• Deputado brasileiro avalia positivamente relações políticas entre Brasil e China
• O caminho dos negócios de Wang Yang, das pistas para o patins perfeito
mais>>
Galeria de fotos

Solstício de Verão

Fabricantes chineses apresentam seus produtos no Show Aéreo de Paris

Cenário de verão das montanhas Qilian no noroeste da China

Semana de Moda Masculina de Milão
mais>>

• Fanzine Nº1, 2017

• Fanzine Nº6, 2016
mais>>
© China Radio International.CRI. All Rights Reserved.
16A Shijingshan Road, Beijing, China. 100040