Sobre CRI Sobre Dept.
HomeGeralEconomiaCulturaVidaEsportesChinêsWebcast
Discussão sobre o animal "dragão" na China
2007-01-15 13:55:34    cri

Muitos países possuem animais como símbolos do espírito nacional, como a águia representa nos Estados Unidos ou o galo da França. Os chineses adotaram, durante a dinastia Han, há 1.800 anos, o dragão como seu símbolo. Por isso, o dragão é ovacionado neste país. A pesquisa promovida pelo portal sina.com.cn mostrou que 95% dos entrevistados optaram pelo dragão como o melhor símbolo da nação chinesa. Ouça o que o dragão representa para os chineses.  

"Uma imagem consagrada".

"É um animal forte e valente".

"Ele deve representar nobreza e o poder".

"Ele representa o espírito da nação chinesa, ou seja, promover incansáveis esforços para ser forte".

Com essas respostas, é fácil perceber que a maioria dos chineses projeta um sentido muito positivo no animal. Por que e desde quando o dragão se tornou o símbolo da China? Vamos ouvir o que diz o pesquisador do Instituto de Arqueologia da Academia de Ciências da China, Zhu Naicheng.

"Num túmulo localizado na província de Henan, no centro do país, descobrimos a imagem mais antiga do dragão. Sua idade é estimada em 6 mil anos. É uma imagem formada a partir de conchas. Ele talvez interprete a identidade de uma pessoa. Durante as dinastias Xia, Shang, Zhou, o dragão começou a ter função ornamental. Sua ligação com a nobreza começou longo no início da dinastia Han. Seu sentido foi amplificado, pois incorporou a dignidade. Entre o povo, no entanto, ele era tido como o animal da sorte e da felicidade. Na dinastia Ming, o dragão se tornou um símbolo real exclusivo e começou a ser utilizado na arquitetura e nos trajes reais. A população foi proibida de usá-lo em qualquer ocasião. A proibição só foi anulada durante a dinastia Qing, período em que surgiram atividades populares ligadas ao animal, como danças de dragão e a competição de barco-dragão".

É óbvio que a escolha dos chineses não foi por casualidade. Ela é fruto das tradições culturais acumuladas durante milênios. Mas, aos olhos dos ocidentais, o que é este animal tão positivo para os chineses? Vamos ouvir as opiniões de alguns estrangeiros residentes em Beijing.

"É tipo lagarto muito grande, que pode voar".

"Ele cospe fogo, tem asas e pode voar".

"Para mim, o dragão representa a imagem de um inimigo".

"Em muitas histórias que eu li, o dragão é um animal malvado. Ele cospe fogo e fere pessoas".

O conflito sobre a interpretação do mito surgiu agora. No mundo ocidental, o dragão é sinônimo do mal, mas na cultura chinesa, ele é um animal simpático e positivo. Ao serem questionados sobre qual o significado do animal para os chineses, a maioria dos entrevistados estrangeiros respondeu "Não sei".

O fenômeno provocou preocupação entre muitos acadêmicos chineses. Para alguns deles, está na hora de os chineses iniciarem a promoção do significado do dragão para o mundo, a fim de concretizar um melhor entendimento cultural entre o Ocidente e o Oriente. Para outros, a questão-chave está na tradução do animal. Um professor da Universidade Normal do Leste sugeriu que seja trocada a tradução de "dragão" para "Loong", pronúncia bem parecida com a do idioma chinês para o animal "Long". A idéia conquistou o apóio de muitos internautas, mas criou fortes polêmicas. A discussão continua.

 
Leia mais Comentário
 
Noticiário (09-05-12)
Horário e Frequência
Minha música
Sua palavra
Correspondente Rio de Janeiro
60 Anos da Nova China
Rádio on Line
Semana no Esporte-Luis Zhao
Nos Ares da Cultura
-Inês
Sociedade Chinesa
-Luisinho
Viagem pela China-Silvia
Repórter da China
-Catarina
Encontro da CRI com seus Ouvintes
-Alexandra

Treze pandas gigantes filhotes se mudam para nova casa

Palácio de Verão

Templo de Céu
<  E-Mail  >