China Radio International
(GMT+08:00) 2006-06-28 15:31:43    
Uma professora russa na China

cri

Katysha é russa e professora numa escola normal de Hegang, na Província de Heilongjiang, nordeste da China. Há um ano, devido aos intercâmbios culturais e educacionais, Katysha deixou sua pátria rumo à China.

Katysha disse que a cidade de Hegang é bem diferente da maioria das cidades russas. Porém, os seus habitantes são muito simpáticos.

"A cidade de Hegang é bonita e gosto dela. Estou muito contente que posso trabalhar e viver aqui".

A terra natal de Katysha, a cidade de Birobidzan, do Estado de Far Eastern, fica no sudeste da Rússia e na margem oposta dum rio perto de Hegang. Em 1999, foram estabelecidas as relações amistosas entre o Estado de Far Eastern e cidade de Hegang, desde então, Katysha começou a ter interesse pela China. Há seis anos, um amigo chinês de seu pai visitou a sua família e falou sobre a história e a cultura chinesa.

Mais tarde, ela começou a aprender chinês com o amigo de seu pai e obteve um nome chinês muito bonito, Jiang Hong. Hong significa arco-íris, ela espera poder servir uma ponte, como arco-íris, entre a China e a Rússia para os intercâmbios culturais sino-russa.

Nas aulas, Katysha ensina os alunos em Chinês. Guan Yu, um de seus alunos, afirmou:

"Não existe obstáculos entre nós e a professora e podemos comunicar fluentemente. De vez em quanto, ela nos conta algumas histórias e novidades de seu país e nos deu nomes em russo e nos chamou pelos nomes russos e nós a chamamos pelo nome chinês."

Para animar as aulas, Katysha sempre procura aliar o conteúdo de suas aulas ao cotidiano dos alunos. Por exemplo, ela leva os alunos aos supermercados para poder ensinar os nomes das mercadorias. Os alunos consideram o método muito interessante. A aluna Liu Faling disse:

"As aulas de Katysha são muito animadas. Ela pode nos ensinar uma palavra por vários métodos como gestos, desenhos etc. Somos amigos".

Katysha gosta de belas artes. Na cidade de Hegang, ela sempre mostra aos alunos a cultura russa através de desenhos. O dormitório dela está cheio de desenhos. An Jingjing, aluna que adora muito o talento de desenho de Katysh, disse:

"Ela desenha muito bem e possui talento. É uma professora moderna".

No tempo livre, Katysha gosta de ficar com os alunos e pede aos mesmos que lhe ensinem canções chinesas. Recentemente, ela aprendeu a cantar uma canção chamada Pai e Mãe e cantou à nossa reportagem:

Os colegas também gostam muito dela e estão dispostos a trocar informações sobre a cultura e os costumes chineses. Zhao Haiyan, colega de Katysha, disse:

"Convivemos muito bem e parece que ela não é uma estrangeira, mas sim minha irmã".

Katysha sempre se dedica ao estudo de chinês. São sempre colados muitos papelzinhos com notas em chinês nos copos, televisor etc.. Agora, Katysha pode falar fluentemente chinês.

Falta apenas um ano para o fim de seu contrato, porém ela espera ficar mais tempo neste país. Ela disse:

"Gosto bastante deste país e sonhava em conhecê-lo desde pequena. Penso que a China é a minha segunda terra natal. Se precisarem de mim, vou permanecer aqui."

Este ano marca o Ano da Rússia da China. Há alguns dias, a delegação do Estado de Far Eastern visitou a cidade de Hegang. Katysha se reuniu com os amigos de sua terra natal e espera que os alunos possam dominar bem o idioma russo, porque pretende levá-los à Rússia no ano que vem, que marcará o Ano da China na Rússia.